STF virou facção criminosa

Intervenção Federal Militar no Judiciário?
Eu apoio!!!

O crime está alojado e muito bem guardado por seus soldados togados nos amplos salões do STF Supremo Tribunal Federal.
É evidente que sabemos que não é somente lá, mas cremos, que em havendo uma faxina naqueles salões, as ratazanas de outros salões, poderão até não fugir, mas com certeza, esconder-se-ão de tal forma, que ficará até um pouco mais difícil de encontrá-las, dado o temor que sentirão das medidas adotadas pelos homens dos botões dourados em suas faxinas.

Sim, claro que eu apoio integralmente uma Intervenção Federal Militar, e o que seja necessário, para que possamos voltar a respirar a suave fragrância da liberdade.

Interessante que este texto eu o escrevi em 12/03/2019, e por incrível que pareça, o subscrevo integralmente hoje.

E claro, o STF necessariamente não é uma ORCRIM, mas alguns membros da Suprema Corte, extão trabalhando como para uma ORCRIM.

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo: COJAE 0001-12-PF-BR; Psicanalista: CONIPSI CIP: 0001-12-PF-BR; Jornalista: DRT-0009597/PR e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(41) 98514-8333
(41) 99109-8374
(41) 99821-2381 (WhatsApp)

Mensagem 12032019 – STF virou facção criminosa – (imagens da internet)

Aproveito para deixar claro que os trabalhos que tenho desenvolvido, são de pura e simplesmente divulgação do que acho interessante para conhecimento geral, e não busco ganho algum com isto, senão o de transmitir conhecimento.

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se a mensagem foi útil, e acha que pode ser útil a mais alguém, divulgue:
(ao replicar, preserve a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

E siga-nos também através deste link: https://odysee.com/@portaldaradio:d/STF-virou-fac%C3%A7%C3%A3o-criminosa:3

@elyvidal @radiocrista @pastorelyvidal @conipsip @CiepClube
#FalaPortaldaRadio #conipsi #cojae #dojae

Infiltrados contra Bolsonaro

Os infiltrados contra Bolsonaro, já perfazem um pequeno exército, e claro, isso nos mostra, quão grande é o homem que hoje ocupa o cargo de presidente de nossa nação.

A atitude de Bolsonaro com sua carta, me faz lembrar a atitude de Trump, quando vai à fronteira com a Coreia do Norte e aperta a mão de Kim Jong-un, e não somente isso, mas também, a convite do líder, ultrapassa a linha da fronteira.

Bem vimos o tamanho desse que hoje ocupa o posto de líder de nossa nação. Ele acenou para Alexandre de Moraes e a seus pares no STF, com o aceno da paz; porém, como muito bem lembrado por Augusto Nunes, esse “acordo” só foi possível, porque, o clamor das ruas ainda ecoa nos ouvidos dos demais membros da Corte e das outras instituições em Brasília.

A mim, me resta parabenizar ao povo brasileiro, porque tudo fizeram e de forma brilhante, deram ao nosso presidente o aval de que ele precisava, para prosseguir com a caminhada para a reconquista de nossas liberdades que estão sendo vilipendiadas à revelia da Constituição da República e do que reza em seu artigo V.

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo: COJAE 0001-12-PF-BR; Psicanalista: CONIPSI CIP: 0001-12-PF-BR; Jornalista: DRT-0009597/PR e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(41) 98514-8333
(41) 99109-8374
(41) 99821-2381 (WhatsApp)

Mensagem 09092021 – Infiltrados contra Bolsonaro – (imagens da internet)

Aproveito para deixar claro que os trabalhos que tenho desenvolvido, são de pura e simplesmente divulgação do que acho interessante para conhecimento geral, e não busco ganho algum com isto, senão o de transmitir conhecimento.

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se a mensagem foi útil, e acha que pode ser útil a mais alguém, divulgue:
(ao replicar, preserve a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

E siga-nos também através deste link: https://odysee.com/@portaldaradio:d/Infiltrados-contra-Bolsonaro:3

@elyvidal @radiocrista @pastorelyvidal @conipsip @CiepClube
#FalaPortaldaRadio #conipsi #cojae #dojae

Quando o plano deve ser abortado

“Declaração à Nação

No instante em que o país se encontra dividido entre instituições é meu dever, como Presidente da República, vir a público para dizer:

1. Nunca tive nenhuma intenção de agredir quaisquer dos Poderes. A harmonia entre eles não é vontade minha, mas determinação constitucional que todos, sem exceção, devem respeitar.

2. Sei que boa parte dessas divergências decorrem de conflitos de entendimento acerca das decisões adotadas pelo Ministro Alexandre de Moraes no âmbito do inquérito das fake news.

3. Mas na vida pública as pessoas que exercem o poder não têm o direito de “esticar a corda”, a ponto de prejudicar a vida dos brasileiros e sua economia.

4. Por isso quero declarar que minhas palavras, por vezes contundentes, decorreram do calor do momento e dos embates que sempre visaram o bem comum.

5. Em que pesem suas qualidades como jurista e professor, existem naturais divergências em algumas decisões do Ministro Alexandre de Moraes.

6. Sendo assim, essas questões devem ser resolvidas por medidas judiciais que serão tomadas de forma a assegurar a observância dos direitos e garantias fundamentais previsto no Art 5º da Constituição Federal.

7. Reitero meu respeito pelas instituições da República, forças motoras que ajudam a governar o país.

8. Democracia é isso: Executivo, Legislativo e Judiciário trabalhando juntos em favor do povo e todos respeitando a Constituição.

9. Sempre estive disposto a manter diálogo permanente com os demais Poderes pela manutenção da harmonia e independência entre eles.

10. Finalmente, quero registrar e agradecer o extraordinário apoio do povo brasileiro, com quem alinho meus princípios e valores, e conduzo os destinos do nosso Brasil.

DEUS, PÁTRIA, FAMÍLIA

Jair Bolsonaro – Presidente da República Federativa do Brasil”

Existem inúmeros fatos, que podem colocar uma operação em um risco maior e que por isso seja mais eficiente que a mesma seja abortada.

Muito difícil e quase impossível tal avaliação.

Porém, no calor das manifestações vimos uma façanha do tal Zé Trovão, que possivelmente, foi o motivo do aborto desta operação.

Zé Trovão em um vídeo seu, na noite de 08/09 falou, como se falasse ao presidente da república, exigindo deste uma atitude, que favorecesse os caminhoneiros que ainda estavam em Brasília naquele momento e que estariam sujeitos aos ataques da polícia.

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo: COJAE 0001-12-PF-BR; Psicanalista: CONIPSI CIP: 0001-12-PF-BR; Jornalista: DRT-0009597/PR e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(41) 98514-8333
(41) 99109-8374
(41) 99821-2381 (WhatsApp)

Mensagem 09092021 – Quando o plano deve ser abortado – (imagens da internet)

Aproveito para deixar claro que os trabalhos que tenho desenvolvido, são de pura e simplesmente divulgação do que acho interessante para conhecimento geral, e não busco ganho algum com isto, senão o de transmitir conhecimento.

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se a mensagem foi útil, e acha que pode ser útil a mais alguém, divulgue:
(ao replicar, preserve a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

E siga-nos também através deste link: https://odysee.com/@portaldaradio:d/Quando-o-plano-deve-ser-abortado:e

@elyvidal @radiocrista @pastorelyvidal @conipsip @CiepClube
#FalaPortaldaRadio #conipsi #cojae #dojae

Essa estratégia foi desenhada por Deus

O que Deus nos diz sobre o Brasil?
Ele nos diz que esta guerra não é nossa, e sim dEle, e que, justamente por isso, é que essa guerra será travada entre Ele e aqueles que se levantam contra Ele.

“Neste encontro, não tereis de pelejar; tomai posição, ficai parados e vede o salvamento que o Senhor vos dará, ó Judá e Jerusalém. Não temais, nem vos assusteis; amanhã, saí-lhes ao encontro, porque o Senhor é convosco.
Então, Josafá se prostrou com o rosto em terra; e todo o Judá e os moradores de Jerusalém também se prostraram perante o Senhor e o adoraram.
Dispuseram-se os levitas, dos filhos dos coatitas e dos coreítas, para louvarem o Senhor, Deus de Israel, em voz alta, sobremaneira.” (2 Cr 20:17-19)

E, por esse motivo vemos, durante a leitura da Bíblia Sagrada, que as estratégias utilizadas até o presente, estão ali descritas. Claro, que todas, sob diferentes modos, porém, bem descritas, e se percebe, à medida que se medita na referida Palavra.

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo: COJAE 0001-12-PF-BR; Psicanalista: CONIPSI CIP: 0001-12-PF-BR; Jornalista: DRT-0009597/PR e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(41) 98514-8333
(41) 99109-8374
(41) 99821-2381 (WhatsApp)

Mensagem 15082021 – Essa estratégia foi desenhada por Deus – (imagens da internet)

Aproveito para deixar claro que os trabalhos que tenho desenvolvido, são de pura e simplesmente divulgação do que acho interessante para conhecimento geral, e não busco ganho algum com isto, senão o de transmitir conhecimento.

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se a mensagem foi útil, e acha que pode ser útil a mais alguém, divulgue:
(ao replicar, preserve a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

E siga-nos também através deste link: https://odysee.com/@radioevangelica:0/Essa-estrat%C3%A9gia-foi-desenhada-por-Deus:7

@elyvidal @radiocrista @pastorelyvidal @conipsip @CiepClube
#FalaPortaldaRadio #conipsi #cojae #dojae

Psicanálise é isto

Viver é preciso… E cruzar e encarar os percalços que se apresentam mais ainda.
A vida te apresenta necessidades, e você precisa encará-las de frente. Não existe como, escapar a isso.
Uma das primeiras necessidades com que nos deparamos, é a necessidade de respirar, e uma, após outra irão se suceder ao longo da vida.

Assim, respirar, alimentar-se, dormir, caminhar, tornam-se necessidades quase automáticas. Se não satisfizermos essas necessidades, com certeza, morreremos.

Serão muitas as necessidades, e múltiplas as formas de satisfação a cada uma delas.

E ao menos entender essas necessidades, e que satisfazer ao menos a algumas delas (se não no todo, pelo menos em grande parte) é fundamental, então começamos a entender o papel do psicanalista.

Quando começamos a verificar as necessidades, nos aprofundamos mais ou menos, conforme o nosso alcance, e vemos que vão bem além de simplesmente matar a fome, ou a sede.

Uma das maiores necessidades do homem é justamente o entender, quem sou? de onde venho e para onde vou?
E na minha opinião, aqui reside o fundamento que explica o que é a psicanálise.
Ou seja, psicanálise é isto, ou se preferir, uma parte do papel do psicanalista é este, auxiliar as pessoas a entender porque deve satisfazer, e em quê medida, as necessidades básicas que o movem para a vida.

Uma das principais necessidades do homem é justamente a reconciliação consigo mesmo.
Em grande parte, a maioria causou ou encontrou um rompimento de relações consigo mesmo, e não consegue encontrar o ponto de apoio, o ponto de base para uma volta e assim promover a tal reconciliação.

E esse é o ponto principal que justifica o trabalho do psicanalista, em nossos dias.

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo: COJAE 0001-12-PF-BR; Psicanalista: CONIPSI CIP: 0001-12-PF-BR; Jornalista: DRT-0009597/PR e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(41) 98514-8333
(41) 99109-8374
(41) 99821-2381 (WhatsApp)

Mensagem 24062020 – Psicanálise é isto – (imagens da internet)

Aproveito para deixar claro que os trabalhos que tenho desenvolvido, são de pura e simplesmente divulgação do que acho interessante para conhecimento geral, e não busco ganho algum com isto, senão o de transmitir conhecimento.

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se a mensagem foi útil, e acha que pode ser útil a mais alguém, divulgue:
(ao replicar, preserve a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

E siga-nos também através deste link: https://odysee.com/@iess:5/Psican%C3%A1lise-%C3%A9-isto:d

@elyvidal @radiocrista @pastorelyvidal @conipsip @CiepClube
#FalaPortaldaRadio #conipsi #cojae #dojae

A dança da natureza

“Ó Senhor, Senhor nosso, quão magnífico em toda a terra é o teu nome! Pois expuseste nos céus a tua majestade.
Da boca de pequeninos e crianças de peito suscitaste força, por causa dos teus adversários, para fazeres emudecer o inimigo e o vingador.
Quando contemplo os teus céus, obra dos teus dedos, e a lua e as estrelas que estabeleceste,
que é o homem, que dele te lembres? E o filho do homem, que o visites?
Fizeste-o, no entanto, por um pouco, menor do que Deus e de glória e de honra o coroaste.
Deste-lhe domínio sobre as obras da tua mão e sob seus pés tudo lhe puseste:
ovelhas e bois, todos, e também os animais do campo;
as aves do céu, e os peixes do mar, e tudo o que percorre as sendas dos mares.
Ó Senhor, Senhor nosso, quão magnífico em toda a terra é o teu nome!” (Sl 8:1-9)

À medida que o tempo vai passando, mais seguro fico, de onde é que eu tenho que amarrar meu barco.

Que norte tenho que eleger, a fim de cuidar do que me sustenta?

Não podemos ignorar que em muitas ocasiões nos parece estarmos sozinhos.
Do nada te surja próximo a um lugar qualquer, um vento que sai a bailar com folhas caídas e a embalar, copas de árvores, e mover as águas, enfim, demonstrando a mim, a você, que não, não estamos sozinhos.

Muito ao contrário disso, todas as forças cooperam a provar, que o universo age em prova de que, a harmonia está aí mesmo para provar que não estamos sozinhos.

E você não percebe que a sinfonia que toca, é justamente a que rege a grande orquestra universal.

Ou seja, começou e já vai longe a dança; que em sintonia natural, já envolveu inúmeros em seu bailado, e continua a ruidosamente, porém de forma magistral, tirar mais e mais contra-pares para a grandiosa valsa dos sentidos.

E você começa a perceber, o enfraquecimento do forte, o robustecimento do abatido e o levante espiritual do descaído.

“Firme está o meu coração, ó Deus! Cantarei e entoarei louvores de toda a minha alma.
Despertai, saltério e harpa! Quero acordar a alva.
Render-te-ei graças entre os povos, ó Senhor! Cantar-te-ei louvores entre as nações.
Porque acima dos céus se eleva a tua misericórdia, e a tua fidelidade, para além das nuvens.
Sê exaltado, ó Deus, acima dos céus; e em toda a terra esplenda a tua glória,
para que os teus amados sejam livres; salva com a tua destra e responde-nos.
Disse Deus na sua santidade: Exultarei; dividirei Siquém e medirei o vale de Sucote.
Meu é Gileade, meu é Manassés; Efraim é a defesa de minha cabeça; Judá é o meu cetro.
Moabe, porém, é a minha bacia de lavar; sobre Edom atirarei a minha sandália; sobre a Filístia jubilarei.
Quem me conduzirá à cidade fortificada? Quem me guiará até Edom?
Não nos rejeitaste, ó Deus? Tu não sais, ó Deus, com os nossos exércitos!
Presta-nos auxílio na angústia, pois vão é o socorro do homem.
Em Deus faremos proezas, porque ele mesmo calca aos pés os nossos adversários.” (Sl 108:1-13)

Damos atenção a tudo e ao mesmo tempo, não damos a atenção devida ao que tudo move, e que por si se move.

Ignoramos as maravilhas da natureza: o peixe-espada, a baleia, e o mais que compõem a beleza de toda a natureza.

Mas o que de fato manda, o que de fato brilha e atua, e que não divide sua glória com ninguém, está empenhado em te mostrar, que te chama “Meu filho, eu hoje te gerei!”

Assuma seu papel e retome a sua caminhada.

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo: COJAE 0001-12-PF-BR; Psicanalista: CONIPSI CIP: 0001-12-PF-BR; Jornalista: DRT-0009597/PR e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(41) 98514-8333
(41) 99109-8374
(41) 99821-2381 (WhatsApp)

Mensagem 20062021 – A dança da natureza – (imagens da internet)

Aproveito para deixar claro que os trabalhos que tenho desenvolvido, são de pura e simplesmente divulgação do que acho interessante para conhecimento geral, e não busco ganho algum com isto, senão o de transmitir conhecimento.

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se a mensagem foi útil, e acha que pode ser útil a mais alguém, divulgue:
(ao replicar, preserve a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

E siga-nos também através deste link: https://odysee.com/@iess:5/A-dan%C3%A7a-da-natureza:b

@elyvidal @radiocrista @pastorelyvidal @conipsip @CiepClube
#FalaPortaldaRadio #conipsi #cojae #dojae

A Liberdade e a Engenharia Social

A fim de se conseguir a implantação de um sistema eficiente de dominação e submissão, sempre, são necessárias as ferramentas da debilidade, da dependência e do pavor.

“E o Senhor aspirou o suave cheiro e disse consigo mesmo: Não tornarei a amaldiçoar a terra por causa do homem, porque é mau o desígnio íntimo do homem desde a sua mocidade; nem tornarei a ferir todo vivente, como fiz.
Enquanto durar a terra, não deixará de haver sementeira e ceifa, frio e calor, verão e inverno, dia e noite.” (Gn 8:21,22)

Uma das nações mais poderosas do mundo, a começar pelo número de pessoas que lá vive, é a China.
E claro, Mao nem era sonhado e os métodos de dominação, já eram estudados, com o intuito de destruir a vontade e o desejo da vítima.

E é aí, que vemos a premiação daquele que entrega o seu irmão. Em primeiros passos a negação à admissão do que seja fato, ou mesmo do que não o seja.
O silêncio parece ser ensurdecedor, parece que percebemos a dor que teima em saltar por seus olhos.
No estágio seguinte, ele tenta defender-se e negar as acusações que são trazidas contra ele.
O momento de cooperação, surge, como se fosse uma porta aberta, aqui já se percebe que a vítima, já não sabe, o que é real e o que não é, apenas, e tão somente passa a cooperar. Não sem proclamar incessantemente a sua inocência, porém, em alguns momentos, percebemos uma certa tentativa em agradar a seus verdugos.
Reconhece erros involuntários por acidente ou descuido.

Nesta fase, a degradação já é quase total, já troca olhares cúmplices com seu verdugo, embora reconhecendo inúmeros erros de sua natureza humana, mas proclama a sua inocência com todas as suas forças.

E quando enfim admite ser o autor e consumador de muitas das coisas que lhe são imputadas, ajuda seus verdugos, criando e inventando detalhes, que poderão gerar a sua punição.
Agora ele já admite que não merece estar entre os vivos. Já se rastreia como o verme dos vermes, e a punição é apenas o alvo.

“Sempre que crucificamos criminosos, escolhemos rodovias muito movimentadas, para que muitos vejam; assim, sejam movidos pelo medo, pois toda punição, não é uma vingança, mas um exemplo.” (Marcos Fabius Quintilianus – 35 – 95 D.C.)

A fraqueza estrema, a falta de vigor, são justamente os movimentos que são uitlizados, na punição imediata do indivíduo.
Ele vai se submeter, ele vai se sujeitar, ele vai enfim, subordinar-se. E tudo em nome da obediência que passará a ser cega, em função de imaginar-se protegido por seu algoz.

O medo, a níveis de pânico, porque já não se imagina livre, ainda que as portas, e portões estejam abertos, a vítima, não encontra forças, sequer para olhar ao longe.
Olhar, além do jardim, é mais doloroso, do que deitar-se e esperar pacientemente que venha a morte e com ela se acabem os pavores de toda essa subordinação.

A liberdade, já não é mais o alvo, porque agora a vítima, está presa a pontos nunca antes imagináveis.
Seu prazer está agora no prazer que seu verdugo possa apresentar ao te interrogar.

Neste ponto o algoz se transformou em “mestre e líder”, e todos os interesses, já estão focados na satisfação àquela curiosidade mórbida do carrasco sobre tua vida.

Nada mais importa, nem a dor, nem o pânico, menos ainda o terror. Tudo já faz parte de um pesadelo, do qual se quer acordar, mas que está mesclado à realidade, e do qual, não se tem a menor chance de escape.

“meu mestre e líder” é quem sabe o que é melhor para mim, neste e nos demais momentos.

E é, somente por isso, que quando esse “líder”, se aproxima, mesmo tremendo e se mijando de medo, a maioria, se submete a ele, quase que, com uma certa dosagem de prazer.
Todos se sujeitam, submetendo-se, e subordinando-se a obedecer e seguir, as normas que sejam vomitadas, aqui ou acolá.

A vara curta da dominação, é a batuta, o maestro é o dominador, e a sinfonia, é a mais dolorosa de que já se teve notícia. Agora saberemos o resultado do experimento, embora, sob as baixas doses de dopamina, não estaremos em condições de fazer avaliação segura, seja com o que quer que seja.
Assim, só poderá avaliar o experimento, o verdugo, e todos aqueles que o cercam.

A liberdade é o símbolo máximo de uma vida vivida à altura, ainda que com ela, tenhamos custos, muitas vezes desagradáveis. Os custos dolorosos da liberdade, devem ser vistos sob o prisma da tomada de decisão.
Se a tomada de decisão está de fato em minhas mãos e se eu tenho a liberdade de escolha entre um caminho e outro, então, poderemos decidir a quais caprichos e prazeres quero me submeter.

O fel da dominação, é algo que brota, de corações, dos menos suspeitos, por esse motivo, a atenção, e o cuidado, até mesmo para:

“abstende-vos de toda forma de mal.” (1 Ts 5:22)

Ao longo da história da humanidade, já encontrei pessoas que submeteram-se às intempéries e a venceram, mas não se dobraram, ao mando de terceiros, que a seus olhos, não lhe poderiam dominar.

Nos quartinhos do terror psicológico, impossível dormir, após as 3 da madrugada, sob o olhar gélido da irmã, e das demais freiras que se apropriavam da vida de inúmeros meninos que nada deviam, mas que naquelas madrugadas frias, acabavam por ser as vítimas, dessas pessoas, que doentes, dominavam, alojamentos inteiros.

Cordões de ferro, cintos, cabides, grãos de milho, sob os joelhos, pernas que se mijavam, pelo simples olhar gélido daqueles que estavam ali para zelar pela segurança daquelas crianças.

Esse é o processo de dominação e de submissão, ao qual os homens passam a responder.

As vítimas em contato com seus carrascos, deixam de ter domínio sobre seus próprios corpos, sobre seus desejos e vontades. Ou seja, é aí que o homem vira um animal e reage pelo medo, aos olhares de seus carrascos. E essa é a forma de transformar o ser em dependente do carrasco.

“Deus não é homem, para que minta; nem filho de homem, para que se arrependa. Porventura, tendo ele prometido, não o fará? Ou, tendo falado, não o cumprirá?” (Nm 23:19)

Foram inúmeros os nossos inimigos, e quase sempre em grande maioria, aqueles que falavam com voz suave e com luvas de pelica, nos tentando levar a crer que seria melhor compactuarmos com a mentira, do que nos rebelarmos contra.

Enganamo-nos quando pensamos que esta ou aquela ideologia é que é a maligna, pois ignoramos, que somos os mesmos que gestam todas as medidas de doutrinação, e que todas primam pela manutenção do medo e da necessidade de isolamento entre os povos, que serviram como luva para a eficácia da lavagem cerebral que conduz ao controle populacional.

Claro que não tem como negar a figura nefasta de Vladimir IIytch Ulianov, “Lênin”.
Esse foi o, responsável pela implantação de todo o sistema comunista, com seus pares.

Foi ele, quem determinou os rumos a seguir, para a implantação do regime que viria a se tornar, esse monstro que hoje vemos, embora, é claro, repito, ele não é o único.

Já dizia o imbecil:
“Usaremos o idiota útil na linha de frente, incitaremos o ódio de classes. Destruiremos sua base moral, a família e a espiritualidade. Comerão as migalhas que caírem de nossas mesas. O Estado será Deus”. (Lênin, 1870-1924).

E nessa toada, sempre, sob o manto da sabedoria de quem sabe o que quer, e a forma de conseguir o que almeja:
“Não há moral na política, apenas conveniência. Um canalha pode nos ser útil apenas por ser um canalha”.

E sempre assim, ele cria seus ditos e vereditos, e nos lembra o quanto temos que ser vis e baixos, para alcançar nossos objetivos:
“Os comunistas devem lembrar-se de que falar a verdade é um preconceito pequeno-burguês; uma mentira, por outro lado, é muitas vezes justificada pelo fim”.

Não ignorando, que para se atingir os objetivos, vale tudo:
“É preciso empregar todos os estratagemas, ardis e processos ilegais, silenciar e ocultar a verdade”.

E que para atingir todos os pontos necessários, faz-se necessário o emprego de todas as armas:
“Dai-me quatro anos para ensinar às crianças e as sementes que terei plantado, jamais serão erradicadas”.

Não ignorando, o princípio básico da destruição que nasce com a destruição da família, e de tudo o que a permeia:
“Destrua a família e destruirás o país”.

Engana-se quem acha que o politburo, tenha qualquer sinal de afeição, e seja a quem quer que seja:
“A maneira de esmagar a burguesia é moê-la entre as mós (do latim “mola”) da taxação e inflação”.

E não se iludam, a liberdade, os donos do poder, a conhecem, e utilizam-se dela, ainda que seja para fins escusos:
“É verdade que a liberdade é preciosa, tão preciosa que deve ser cuidadosamente racionada”.

Por esse motivo, ela será imperiosamente perseguida, de forma a que o chão que a falta de liberdade pisar, não floresça absolutamente nada:
“Aquele que agora fala sobre a liberdade de imprensa retrocede e impede a nossa corrida impetuosa ao Socialismo”.

Por esse motivo o impedimento do acesso a armas pelo cidadão comum. Afinal um homem armado, será capaz de entender o valor de sua liberdade:
“Uma das condições básicas à vitória do Socialismo é o armamento dos trabalhadores e o desarmamento da burguesia” (classe média).

Eles sabem sim, o valor de uma arma, e do que pode um homem com uma arma em suas mãos:
“Um homem com uma arma pode controlar 100 que não têm uma”.

A negação ao direito da livre defesa, ao direito de ir e vir, é a base de tudo:
“Um sistema de licença e registro é o dispositivo perfeito para negar posse de arma à burguesia”.

São várias as faces da mesma moeda, são vários os nomes que dão a todo esse desmando. O que mais se conhece é:
“O objetivo do Socialismo é o Comunismo”.

E sabedores do quanto pode ser fatal aos defensores do comunismo, a liberdade, é que eles lutam com unhas e dentes, para impedir o avanço dessa liberdade:
“A burguesia é muitas vezes mais forte que nós. Dar a ela a arma da liberdade de imprensa é facilitar a causa do inimigo, ajudar o inimigo de classe. Não desejamos terminar em suicídio, por isto não faremos isto”.

Vamos limitar a linha de pensamento do indivíduo, pois o mesmo, não pode e não deve ter qualquer ilusão quanto ao fato de que não sabe lidar com sua própria liberdade:
“A história de todos os países mostra que, exclusivamente, por seu próprio esforço, a classe operária é capaz de desenvolver apenas a consciência sindical”.

Observe com atenção, a revolução que eles buscam, é justamente aquela que te coloca em situação de submissão ao poder de um homem, ou mesmo de um grupo de homens:
“Uma revolução é impossível sem uma situação revolucionária; ademais, nem toda situação revolucionária leva à revolução”.

Para isso, basta apenas, que eles sigam a cartilha de implantação do modelo maldito:
“A minoria organizada irá derrotar a maioria desorganizada todas as vezes”.

Por esse motivo, tudo o que te leve a sonhar com um capitalismo, ou com a condição de uma melhora de vida, com base no Capital e na propriedade privada, será alvo de destruição:
“A melhor maneira de destruir o sistema capitalista é depravar a moeda”.

E claro, a imprensa, como a vimos um dia, agora, está desmascarada, já sucumbiu por falta de elementos que lhe possam trazer novamente à vida:
“A imprensa não deve ser apenas uma propagandista coletiva e agitadora coletiva, mas também uma organização coletiva das massas”.

Em alguns momentos ele, Lênin, nos mostra, exatamente como ele pensa, no que se refere aos demais:
“Sua primeira reação deve ser estabelecer uma Troika ditatorial, ou seja, (você Markin, e uma outra pessoa) e introduzir o terror em massa, fuzilando ou deportando as centenas de prostitutas que estão fazendo os soldados beber, todos os ex-oficiais, etc. Não há tempo a perder, você deve agir resolutamente, como represália em massa. Execução imediata para qualquer um pego em posse de uma arma de fogo. Deportação em massa de mencheviques e outros elementos suspeitos”. (Vladimir, no Comitê Executivo de Nijni Novgorod, em 09 de agosto de 1918).

Observando direitinho, percebemos que a cartilha maldita é a mesma e que vigora, até em pontos e vírgulas:
“Você deve fazer essa gente (Kulaks) Cúlaque, uma expressão pejorativa no linguajar político soviético, referindo-se a camponeses ricos do império Russo, que possuíam extensas fazendas e faziam uso de trabalho assalariado em suas atividades). Como exemplos: Enfoque: enforcar em público, para que as pessoas vejam, pelo menos 100 Kulaks, ricos malditos e sanguessugas notórios; publique seus nomes; confisque seus grãos; escolha os reféns de acordo com minhas instruções no telegrama de ontem”. (Lênin, no Comitê Executivo em Penza aos 10/08/1918).

E além de tudo, como é que eles poderiam viver sem o poder absoluto?
“Como se pode fazer uma revolução sem execuções”? A fúria de Lênin ao escutar que o Soviete havia abolido a pena de morte.

E juntamente com essas normas, mais como, complementação, vemos:

Corromper a juventude e tudo o que a cerca. Ensinar o jovem que trabalhar não é bom, que lutar não é valoroso, e que a liberdade sexual, o uso de drogas e as demais consequências de uma vida vazia é que é o ideal para este novo tempo.

A colocação de gente que sem condição alguma de mérito e mesmo de competência, apenas vai minar todas as formas de comunicação, de uma certa forma, e no frigir dos ovos, acaba por facilitar a dominação. Como discutir com analfabetos?

Os grupos que não saberão porque brigam, são favoráveis a qualquer projeto de dominação. A população dividida, uns porque se querem de cabelos compridos, outros porque se acham melhores em canto, ou mesmo em desenho, outros que só sabem do rebolado, mas enfim, de que adianta, qualquer outra temática, se o que vale é a narrativa, onde o debate, não encontra eco?
As discussões que terão valor, serão justamente aquelas que não terão o menor valor dentro do espectro social.

Democracia e Estado de Direito, são palavras que soam muito bem, existem pessoas que quando as citam, parecem babar mel.
É claro que não passou de fel, porque o significado de tais palavras, assumiram características muito distintas
Porém, a ordem é que apesar da cantilena, e da beleza das palavras, o poder seja assumido sem o menor escrúpulo ou preconceito.

Além disso tudo, e já tivemos o desprazer de ver, o esbanjamento, em torno do dinheiro público, é algo que vimos e temos visto, desde muito tempo, com Chávez, Maduro, Evo Morales, Lula, Dilma e com os demais canalhocratas que só querem destruir a máquina pública, para que possam apropriar-se mais livremente das riquezas naturais da Nação em questão.

A destruição tem que ser total, e por isso, as pessoas que ocupam altos postos têm que ser mais e mais ignorantes, a fim de que líderes estrangeiros, não creiam a que ponto o País chegou.
Com esse descrédito e com o aumento de greves e de passeatas, e com as dificuldades que o país irá enfrentar, a inflação será inevitável.

A indústria e os serviços terão que ser bloqueados a qualquer custo. Isso gera o pânico e a população, entra em desalinho. O setor produtivo não funcionando, nada funcionará adequadamente.

Claro, as autoridades do País, que já não funcionavam antes, não funcionarão agora, até porque são movidas por gastos públicos, e quando o dinheiro público rareia e não chega a a agradar, entra em cena, o dinheiro do crime organizado, que movimenta a nação, a partir de então.

Valores morais? Que é isso?
Que político ousa cumprir suas promessas?
Não esqueça, os valores já não mais existem, portanto, muito poucos serão os que de fato lutarão pela retomada do país para o crescimento dentro dos preceitos da Ordem e do Progresso.

E naturalmente o máximo na fiscalização, especialmente no controle e na catalogação das armas de fogo, a fim de que possam ser confiscadas, quando for adequado ao governante de plantão.

O sonho da engenharia social é justamente o domínio do maior número de pessoas e pelo menor esforço possível. Isso eles conseguiram, através das máscaras, do afastamento, dizendo que aquele que não usa máscara é contra o outro.

– O Isolamento, que se transforma no passo fundamental, acaba por entregar ao carrasco o controle total sobre tudo o que circunda a vítima. Informações que são de vital importância: (hora de banho, hora, de comer, hora de remédio, tons de voz, ordens de comando…)
Isso gera o controle total do indivíduo em foco, uma vez que o mesmo, já se encontra desorientado, já não sabe se o que pensa é verdadeiro, ou fruto apenas de sua mente doentia.
Com isso se chega também à exaustão física e mental, o que não é difícil, neste ponto o ser, já se encontra em debilidade. Tudo o irrita, tudo o incomoda, e o menor bater de asas de uma mosca, é motivo de tormento para a vítima.

Eu poderia elencar vários pontos que vejo como fundamentais, mas encontro um freio, que me diz, não poder falar sobre tudo, a fim, de que pontos obscuros, não sejam totalmente revelados.
Os jogos mentais, as torturas físicas, não são necessariamente, pontos previamente definidos com o objetivo de desestruturar o outro, senão, na grande maioria das vezes, com o objetivo de tão somente chamar a atenção.
Tirar a vítima de seu eixo principal, e fazer com que ela perca o seu equilíbrio emocional, parece ser o ponto chave.

Bem, não preciso dissertar a orquestração montada a partir do STF, juntamente com governadores e prefeitos, a fim de permitir que os desmandos tomassem conta de tudo, favorecendo assim, a agenda da criação de narrativas, em prol de desmandos que seriam institucionalizados a partir de então.
Vimos o homem forçado a momentos ociosos, (total ociosidade) e com pinceladas de cenas de filme de terror, à sua volta, determinando que o próximo saco com um corpo morto em uma vala comum, poderá ser o seu.
Lojas fechadas, avenidas, vazias, vidas, perdidas e lançadas à essencialidade determinada por algum morto vivo qualquer.
Covas abertas e prontas para engolir, centenas e centenas de corpos, toda a mídia priorizando o número de mortos e ignorando que o que dá sobre vida ao ser é justamente a ilusão de poder vencer aquele percalço.
Assim que vimos o avanço desenfreado do suicídio, do assassinato, do roubo, enfim…, se você não tinha qualquer coisa que o induzisse ao descaminho, a porta, foi aberta.
A ansiedade e o stress, foram elencados como tendo crescimentos abusivos e dessa forma, a permitir que a vítima se permitisse, até mesmo a atos de crueldade consigo mesma.

E o algoz se manifesta, ora bonzinho, permitindo indulgências, que te levam a imaginá-lo como um anjo que está em seu caminho a fim de te ajudar. Sendo que por vezes, ele manifesta a onipotência sobre a tua vida, e sem a menor piedade te leva à degradação total.

O algoz te prende, te bate, te agride, e sempre te diz, ou te faz crer, que tudo o que está sendo feito, é apenas e tão somente para o teu próprio bem.

Infelizmente, tudo sob a proteção do estado, pelos homens da capa preta, da Suprema Corte Brasileira.

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo: COJAE 0001-12-PF-BR; Psicanalista: CONIPSI CIP: 0001-12-PF-BR; Jornalista: DRT-0009597/PR e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(41) 98514-8333
(41) 99109-8374
(41) 99821-2381 (WhatsApp)

Mensagem 16062021 – A Liberdade e a Engenharia Social – (imagens da internet)

Aproveito para deixar claro que os trabalhos que tenho desenvolvido, são de pura e simplesmente divulgação do que acho interessante para conhecimento geral, e não busco ganho algum com isto, senão o de transmitir conhecimento.

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se a mensagem foi útil, e acha que pode ser útil a mais alguém, divulgue:
(ao replicar, preserve a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

E siga-nos também através deste link: https://odysee.com/@portaldaradio:d/A-Liberdade-e-a-Engenharia-Social:6

@elyvidal @radiocrista @pastorelyvidal @conipsip @CiepClube
#FalaPortaldaRadio #conipsi #cojae #dojae

Oração de louvor e agradecimento

Após a temporada no hospital, recebi do trono de Deus esta oração.
E é por esta oração que sinto necessidade de gritar ao mundo a maravilha que é a certeza de se estar descansando nos braços do Senhor.
Quão maravilhoso é, poder olhar em volta e reconhecer quem está te erguendo e te colocando firme sobre teus pés, para que possa fazer frente ao mundo, que neste momento busca te amedrontar.
Não tenha medo, quem te cuida é o Guarda de Israel, e Ele não te abandonou e não vai te abandonar, Ele te protege e já disse, que você é a menina de Seus olhos e ai de quem lançar mão contra você.
Receba e aproprie-se do que é promessa de Deus para tua vida em nome de Jesus Cristo.

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo: COJAE 0001-12-PF-BR; Psicanalista: CONIPSI CIP: 0001-12-PF-BR; Jornalista: DRT-0009597/PR e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(41) 98514-8333
(41) 99109-8374
(41) 99821-2381 (WhatsApp)

Mensagem 16062021 – Oração de louvor e agradecimento – (imagens da internet)

Aproveito para deixar claro que os trabalhos que tenho desenvolvido, são de pura e simplesmente divulgação do que acho interessante para conhecimento geral, e não busco ganho algum com isto, senão o de transmitir conhecimento.

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se a mensagem foi útil, e acha que pode ser útil a mais alguém, divulgue:
(ao replicar, preserve a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

E siga-nos também através deste link: https://odysee.com/@radioevangelica:0/Ora%C3%A7%C3%A3o-de-louvor-e-agradecimento:e

@elyvidal @radiocrista @pastorelyvidal @conipsip @CiepClube
#FalaPortaldaRadio #conipsi #cojae #dojae

A velhice conduz à fuga das responsabilidades?

Está aí, à medida que o tempo passa, tenho mais e maior orgulho do povo de minha terra. E pessoas, como o artesão, Milson Araújo, me fazem sentir mais orgulho ainda, porque vejo que nosso povo, tirando os que ainda não acordaram, já temos muitos que pensam por si mesmos e que sabem ligar os fatos às fotos e assim, demonstrar o que efetivamente está sendo orquestrado por detrás dos panos, pelos poderosos de plantão.

Esse é o caso do vídeo que vou colar a este, onde esse artesão, dá uma aula de civilidade, de raciocínio lógico e de indignação, pela demonstração de poder enunciada pelo Barroso em mais um de seus arroubos SUPREMOS.

Primeiro, esse e os demais precisam ser desbancados, não temos e não queremos ter cargos para SUPREMOS em nossa nação.

“Feliz a nação cujo Deus é o Senhor, e o povo que ele escolheu para sua herança.” (Sl 33:12)

Assim a maioria de nós, fomos criados, e assim eu creio, é a forma como a maioria do povo brasileiro quer continuar sendo.
Não precisamos da tutela de alguém que no apagar das luzes, é instado como “Lulu, o boca de veludo”, ou que, necessita para massagear o ego, de títulos e derivativos de títulos que o eleve a palanques que ele não tem sequer competência para orquestrar.

E de fato o Barroso disse, durante a entrevista à CBN, o que já vem sendo repetido como uma espécie de mantra para o ensebado sinistro:
“… se o voto impresso foi implementado no Brasil, “nós vamos judicializar o resultado das eleições”.

Em primeiro lugar, deveria lembrar o nobre SUPREMO ASPONE, que o cargo dele, está posto, justamente para que encontre, dentro das normas e das condições que surgirem as sábias e escorreitas maneiras de cumprir a lei, com o fim de obedecer aos limites impostos pela nossa carta consitucional.

Portanto, o trabalho de um juiz da Suprema Corte, não é ficar amedrontado pelo que possam dizer ou imaginar do nosso emaranhado de leis, senão que o cumprimento para aquele impasse, estaria neste ou naquele passo.

Para isso, o senhor sinistro recebe gordos salários, e mais gordas ainda, benesses por parte de nossos cofres públicos.

E se tiver que recontar os votos mais de uma vez, afinal de contas, para que servem as instituições, senão para cumprir as exigências a que somos sujeitos por nossa Carta Constitucional?

E não queremos funcionários públicos, seja em que instância seja, fugindo das atribuições que lhes cabe, por conta do do cargo que assumem.

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo: COJAE 0001-12-PF-BR; Psicanalista: CONIPSI CIP: 0001-12-PF-BR; Jornalista: DRT-0009597/PR e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(41) 98514-8333
(41) 99109-8374
(41) 99821-2381 (WhatsApp)

Mensagem 28052021 – A velhice conduz à fuga das responsabilidades? – (imagens da internet)

Aproveito para deixar claro que os trabalhos que tenho desenvolvido, são de pura e simplesmente divulgação do que acho interessante para conhecimento geral, e não busco ganho algum com isto, senão o de transmitir conhecimento.

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se a mensagem foi útil, e acha que pode ser útil a mais alguém, divulgue:
(ao replicar, preserve a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

E siga-nos também através deste link: https://odysee.com/@iess:5/A-velhice-conduz-%C3%A0-fuga-das-responsabilidades:d

@elyvidal @radiocrista @pastorelyvidal @conipsip @CiepClube
#FalaPortaldaRadio #conipsi #cojae #dojae

Esta dependência é tudo o que me resta

Houve tempo em que o slogan era: Sexo, Drogas e Rock’n’Roll
E eu, como bom alienado, deixei-me envolver com tudo
não importando para que lado ia, em todas embarcava
à busca de aventuras.

Já fui dependente de álcool, drogas, e outras esquisitices…
vagabundo, e também por vezes imundo.

Não mudei muito confesso, busco no entanto o conforto
de olhar de dentro para fora e buscar não mais me entreter
com as mesmas lorotas e artimanhas de outrora.

Já sei que não caminho mais tão longe com aqueles passos dementes
que antes eu imitava, com o intuito de apenas provocar olhares.
Hoje sei que caminho devagar, e justamente, porque um dia tive pressa.
Hoje sei que olho ao longe porque perdi meus olhares mais importantes, em orgias e devaneios que para nada serviram.

Por isso, hoje posso afirmar com a voz solta e nada embargada,
que essa dependência já não é mais tudo o que me resta.
Hoje tenho a certeza de que caminhando, mesmo a passos lentos,
sigo firme na certeza de que finamente me conheço,
sei de onde venho, para onde vou, e principalmente quem sou.

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo: COJAE 0001-12-PF-BR; Psicanalista: CONIPSI CIP: 0001-12-PF-BR; Jornalista: DRT-0009597/PR e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(41) 98514-8333
(41) 99109-8374
(41) 99821-2381 (WhatsApp)

Mensagem 27052021 – Esta dependência é tudo o que me resta – (imagens da internet)

Aproveito para deixar claro que os trabalhos que tenho desenvolvido, são de pura e simplesmente divulgação do que acho interessante para conhecimento geral, e não busco ganho algum com isto, senão o de transmitir conhecimento.

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se a mensagem foi útil, e acha que pode ser útil a mais alguém, divulgue:
(ao replicar, preserve a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

E siga-nos também através deste link: https://odysee.com/@iess:5/Esta-depend%C3%AAncia-%C3%A9-tudo-o-que-me-resta:b

@elyvidal @radiocrista @pastorelyvidal @conipsip @CiepClube
#FalaPortaldaRadio #conipsi #cojae #dojae

Amor é síntese

Por favor, não me analise
Não fique procurando
cada ponto fraco meu
Se ninguém resiste a uma análise
profunda, quanto mais eu!
Ciumenta, exigente, insegura, carente
toda cheia de marcas que a vida deixou:
Veja em cada exigência
um grito de carência,
um pedido de amor!

Amor, amor é síntese,
uma integração de dados:
não há que tirar nem pôr.
Não me corte em fatias,
(ninguém abraça um pedaço),
me envolva toda em seus braços
E eu serei perfeita, amor!

(poema atribuído a: Mário Quintana, e também a: Myrtes Mathias)

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo: COJAE 0001-12-PF-BR; Psicanalista: CONIPSI CIP: 0001-12-PF-BR; Jornalista: DRT-0009597/PR e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(41) 98514-8333
(41) 99109-8374
(41) 99821-2381 (WhatsApp)

Mensagem 27052021 – Amor é síntese – (poema atribuído a: Mário Quintana, e também a: Myrtes Mathias – imagens da internet)

Aproveito para deixar claro que os trabalhos que tenho desenvolvido, são de pura e simplesmente divulgação do que acho interessante para conhecimento geral, e não busco ganho algum com isto, senão o de transmitir conhecimento.

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se a mensagem foi útil, e acha que pode ser útil a mais alguém, divulgue:
(ao replicar, preserve a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

E siga-nos também através deste link: https://odysee.com/@iess:5/Amor-%C3%A9-s%C3%ADntese:4

@elyvidal @radiocrista @pastorelyvidal @conipsip @CiepClube
#FalaPortaldaRadio #conipsi #cojae #dojae

Como estão as tuas vestes?

“Farás também uma lâmina de ouro puro e nela gravarás à maneira de gravuras de sinetes: Santidade ao Senhor.
Atá-la-ás com um cordão de estofo azul, de maneira que esteja na mitra; bem na frente da mitra estará.
E estará sobre a testa de Arão, para que Arão leve a iniquidade concernente às coisas santas que os filhos de Israel consagrarem em todas as ofertas de suas coisas santas; sempre estará sobre a testa de Arão, para que eles sejam aceitos perante o Senhor.” (Êx 28:36-38)

Algumas normas são regras de ouro e devemos todos segui-las.
Mais especialmente ainda, aqueles que receberam incumbências maiores.
Professores, mestres, médicos, doutores, juízes, profissionais diversos, do Legislativo, do Executivo e do Judiciário.

“Minha aliança com ele foi de vida e de paz; ambas lhe dei eu para que me temesse; com efeito, ele me temeu e tremeu por causa do meu nome.
A verdadeira instrução esteve na sua boca, e a injustiça não se achou nos seus lábios; andou comigo em paz e em retidão e da iniquidade apartou a muitos.
Porque os lábios do sacerdote devem guardar o conhecimento, e da sua boca devem os homens procurar a instrução, porque ele é mensageiro do Senhor dos Exércitos.” (Ml 2:5-7)

Consideremos a grandiosidade do que é justo, santo e sagrado.
A roupa não te define, no entanto, ela te orna, a ponto de que adequadamente trajado, você possa distinguir-se entre os demais.
Você pode passar a ter mais ou menos notoriedade, conforme sejam as tuas vestes.
E essas vestes, necessariamente não precisam ser vestes físicas e materiais, basta ver, as roupas de João, o Batista, e de inúmeros outros que não se apresentavam como reis, o próprio Cristo, e no entanto, suas vestes tinham muito mais pureza que todas as finas peças de linho egípcio até hoje negociadas…

Não vamos descartar o fato de que o linho, tradicionalmente, aparece como sendo um exemplo da justiça dos santos.

“pois lhe foi dado vestir-se de linho finíssimo, resplandecente e puro. Porque o linho finíssimo são os atos de justiça dos santos.” (Ap 19:8)

Portanto não esqueça, tua vestimenta é um alto posto de comando?
Cuidado com ele, pode vir a ser muito pesado para que possa carregá-lo deste para o outro lado da vida.
Bem sei que pesa, a minha veste, também me pesa, e por vezes, já fraquejei, confesso…

Mas não titubeie, porque é por pouco, pouquíssimo tempo.
Quando olhar novamente, já tudo haverá passado.
A única coisa no entanto, que não passará, é a Palavra do Senhor, que clama por justiça, e especialmente:

“Porque tive fome, e me destes de comer; tive sede, e me destes de beber; era forasteiro, e me hospedastes;
estava nu, e me vestistes; enfermo, e me visitastes; preso, e fostes ver-me.
Então, perguntarão os justos: Senhor, quando foi que te vimos com fome e te demos de comer? Ou com sede e te demos de beber?
E quando te vimos forasteiro e te hospedamos? Ou nu e te vestimos?
E quando te vimos enfermo ou preso e te fomos visitar?
O Rei, respondendo, lhes dirá: Em verdade vos afirmo que, sempre que o fizestes a um destes meus pequeninos irmãos, a mim o fizestes.
Então, o Rei dirá também aos que estiverem à sua esquerda: Apartai-vos de mim, malditos, para o fogo eterno, preparado para o diabo e seus anjos.
Porque tive fome, e não me destes de comer; tive sede, e não me destes de beber;
sendo forasteiro, não me hospedastes; estando nu, não me vestistes; achando-me enfermo e preso, não fostes ver-me.
E eles lhe perguntarão: Senhor, quando foi que te vimos com fome, com sede, forasteiro, nu, enfermo ou preso e não te assistimos?
Então, lhes responderá: Em verdade vos digo que, sempre que o deixastes de fazer a um destes mais pequeninos, a mim o deixastes de fazer.” (Mt 25:35-45)

E esse tempo passará como a fumaça e rapidamente se desvanecerá. Ao olhar novamente, já ali não mais estará.

Estará no entanto, você frente a frente com o justo Juiz, e com esse, não haverá negociata, diferentemente do que aqui acontece.

Ele te deu mantos de honra, vestes sacerdotais em nome célebre, famoso, ilustre.
Mas o que fizeste com os teus mantos?
Transformaste-os em panos de chão?
Em trapos de imundícia?

Pois é, esse anel que ostenta em teu dedo, de nada te servirá, será apenas algo que vai te incomodar, porque teu dedo inchará, e ficará muito difícil tirar o anel daí.

Você foi capacitado para servir, mas buscou ser servido, ignorando a majestade do próprio Rei dos Reis e Senhor dos Senhores.

Está preparado?
Não?
Apruma-te homem, eis que é chegada a tua hora.

Não só te voltas à sombra, mas ainda obriga os teus irmãos a viverem na sombra, não lhes permitindo a libertação.

Ignorou ser Cristo o Sumo Sacerdote, quando Ele mesmo, cumpriu na cruz do calvário a obra redentora.
Ele foi até o final, e você verme, entregou teus dons aos cambistas, crucificando-o novamente e escolhendo Barrabás, ao contrário do que é justo e santo.

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo: COJAE 0001-12-PF-BR; Psicanalista: CONIPSI CIP: 0001-12-PF-BR; Jornalista: DRT-0009597/PR e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(41) 98514-8333
(41) 99109-8374
(41) 99821-2381 (WhatsApp)

Mensagem 27052021 – Como estão as tuas vestes? – (imagens da internet)

Aproveito para deixar claro que os trabalhos que tenho desenvolvido, são de pura e simplesmente divulgação do que acho interessante para conhecimento geral, e não busco ganho algum com isto, senão o de transmitir conhecimento.

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se a mensagem foi útil, e acha que pode ser útil a mais alguém, divulgue:
(ao replicar, preserve a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

E siga-nos também através deste link: https://odysee.com/@radioevangelica:0/Como-est%C3%A3o-as-tuas-vestes:f

@elyvidal @radiocrista @pastorelyvidal @conipsip @CiepClube
#FalaPortaldaRadio #conipsi #cojae #dojae

Doenças trazidas por alguns sentimentos

Nosso organismo, maravilhosamente é afetado por nossos sentimentos, e isso é o tempo todo.
Quando estamos felizes, despreocupados, estamos mais protegidos, porque os bons fluidos, de alguma forma, carregam nossas energias e nos deixam mais preparados, para as tempestades internas que advém das situações adversas. E são as situações, justamente adversas que trazem, muitas vezes, sérias consequências para nosso organismo, por conta de que, dessa forma nos baixa o sistema imunológico e assim nos deixa mais sucetível.
Não podemos ser simplistas demais, e imaginar que todos os desarranjos tenham importâncias diversas daquilo que vem pelos impactos dos impulsos psíquicos.

Estes impulsos são responsáveis naturalmente, por uma grande parte de enfermidades, que na minha opinião, eu chamaria de doenças silenciosas.

A raiva por exemplo, notamos que ela traz consigo uma acentuada agressividade para com o fígado;

E nessa mesma toada, temos a tristeza, que coloca o homem em um estado de descuido a ponto de prejudicar seus pulmões;

Enquanto isso, a angústia, traz consigo, os problemas associados ao adoecimento estomacal;

Observando os primeiros problemas elencados, naturalmente que não poderíamos ignorar o stress que é um condutor muito competente para problemas relacionados ao coração;

E claro, o medo, que afeta por sua poderosa ação, os rins.

Bem, como se pode ver, tudo, que esteja associado à psique, estará, de certa forma ligada, a ataques que temos no dia-a-dia, e que muitas vezes, não associados corretamente, não iremos ao âmago da questão, mas estaremos tratando uma consequência e ignorando a causa.

Hoje especialmente, com o pânico instaurado por conta da tal “pandemia”, conseguiram instaurar o terrorismo, através do medo da morte, do medo de se contrair o próprio vírus chinês, e dessa forma, temos instaurada a nova palavra de ordem.

Isso muito bem arquitetado pela mídia, pelos inúmeros prefeitos e governadores que tudo o que faziam era e é ainda, com o intuito de dominar a massa ignara, pelo medo e pela força.

Isolaram a tantos quantos pudessem, porque uma pessoa isolada, passa a ter medo da própria sombra, além, é claro do fato, de que, ganha quem fala e grita mais alto. E todo aquele que está desprovido de autoridade, utiliza-se do medo para colocar o outro, ou, os outros sob vara no mesmo redil.

E assim, hoje, neste momento muito especial, que requer de nós mesmos muita atenção, percebemos o papel dentro da psicologia social, que ao descobrir os meios, pelo terrorismo emocional, com o intuito único de derrubar as estruturas do indivíduo em seu ambiente natural.

Por esse motivo, neste momento, não recomendo a que seja aceita, por parte seja de que profissional, seja, – (a não ser em casos muito especiais) – qualquer rotulação em torno de qualquer indivíduo. Hoje vivemos uma situação atípica, e necessitamos que passe a tempestade, para que possamos voltar a encarar o indivíduo, mais tranquilamente e senhor de suas emoções.

Dê um fora no medo, mandando a raiva embora. Não permita que essa tome conta do teu ser, assim tua casa já não poderá estar sob os augúrios da tristeza e com certeza, não havendo lugar para a angústia, também não sobrará espaço sombrio para o estresse.

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo: COJAE 0001-12-PF-BR; Psicanalista: CONIPSI CIP: 0001-12-PF-BR; Jornalista: DRT-0009597/PR e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(41) 98514-8333
(41) 99109-8374
(41) 99821-2381 (WhatsApp)

Mensagem 26052021 – Doenças trazidas por alguns sentimentos – (imagens da internet)

Aproveito para deixar claro que os trabalhos que tenho desenvolvido, são de pura e simplesmente divulgação do que acho interessante para conhecimento geral, e não busco ganho algum com isto, senão o de transmitir conhecimento.

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se a mensagem foi útil, e acha que pode ser útil a mais alguém, divulgue:
(ao replicar, preserve a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

E siga-nos também através deste link: https://odysee.com/@iess:5/Doen%C3%A7as-trazidas-por-alguns-sentimentos:3

@elyvidal @radiocrista @pastorelyvidal @conipsip @CiepClube
#FalaPortaldaRadio #conipsi #cojae #dojae

O Ensino Cristão

Nossas igrejas têm que se voltar para o ensino e a capacitação de homens que verdadeiramente queiram ser livres.

“e conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará.” (Jo 8:32)

E querer ser livre, não reside no fato de a pessoa poder se levantar e sair sem rumo, sem lenço e sem documento.
Não, muito ao contrário disso, ser livre, implica justamente em se ter amarras, a padrões éticos e morais, tais, que o impeçam de viver o que você queira viver, se aquilo não for bom e agradável aos demais.

Isso estaria mais próximo do que quer dizer, conhecer a verdade.

Todos imaginamos conhecer a verdade e na grande maioria das vezes, somos incapazes de responder perguntas básicas como:
Quem sou?
De onde venho?
Para onde vou?

E fica muito evidente que todo o que não sabe quem é, está em desarranjo com o seu norte básico.

“Mas agora, assim diz o Senhor, que te criou, ó Jacó, e que te formou, ó Israel: Não temas, porque eu te remi; chamei-te pelo teu nome, tu és meu.” (Is 43:1)

Assim, nós vemos que os conceitos elencados ficam bem respondidos, porque somente aí, já respondo ao “Quem sou?”, ao “De onde venho?” e também, ao “Para onde vou?”
Quem me remiu, é justamente quem me criou, portanto me deixa impressa em minha vida a identidade mais importante que alguém pode ter, especialmente, falando do ponto de vista da paternidade; e tendo me dado esta vida, com toda a certeza, tem para mim planos muito maiores do que estes que ora se me apresentam, assim me foi respondida a segunda questão; e além disso, se nesta terra sou um peregrino, então, já sei para onde vou.

Mas é evidente que precisamos ter a certeza da libertação e a mesma reside justamente no fato de compreender quem seja o que de fato liberta, ou seja, o Filho, aquele que é o único caminho, verdade e vida.

“Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres.” (Jo 8:36)

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo: COJAE 0001-12-PF-BR; Psicanalista: CONIPSI CIP: 0001-12-PF-BR; Jornalista: DRT-0009597/PR e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(41) 98514-8333
(41) 99109-8374
(41) 99821-2381 (WhatsApp)

Mensagem 16022019 – O Ensino Cristão – (imagens da internet)

Aproveito para deixar claro que os trabalhos que tenho desenvolvido, são de pura e simplesmente divulgação do que acho interessante para conhecimento geral, e não busco ganho algum com isto, senão o de transmitir conhecimento.

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se a mensagem foi útil, e acha que pode ser útil a mais alguém, divulgue:
(ao replicar, preserve a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

E siga-nos também através deste link: https://odysee.com/@radioevangelica:0/O-Ensino-Crist%C3%A3o:8

@elyvidal @radiocrista @pastorelyvidal @conipsip @CiepClube
#FalaPortaldaRadio #conipsi #cojae #dojae

A flor do amor

uma linda menina
qual gaivota voa
encontra uma bela lagarta
e não identifica-a
após sua troca de roupas.

voou para te dizer que você é linda
você nem a ouviu
entretida que estava em teus conceitos
e pré-conceitos.
Mas a lagarta grita e te diz
sai do teu casulo
viva e deixe viver.

porque foi perfeita
digna da bela menina
que encontrou no caminho
a belíssima flor do amor
não a deixe no caminho
alguém poderá pisar
e maltratar a sua flor.

A flor do amor…

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo: COJAE 0001-12-PF-BR; Psicanalista: CONIPSI CIP: 0001-12-PF-BR; Jornalista: DRT-0009597/PR e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(41) 98514-8333
(41) 99109-8374
(41) 99821-2381 (WhatsApp)

Mensagem 16022019 – A flor do amor – (imagens da internet)

Aproveito para deixar claro que os trabalhos que tenho desenvolvido, são de pura e simplesmente divulgação do que acho interessante para conhecimento geral, e não busco ganho algum com isto, senão o de transmitir conhecimento.

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se a mensagem foi útil, e acha que pode ser útil a mais alguém, divulgue:
(ao replicar, preserve a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

E siga-nos também através deste link: https://odysee.com/@iess:5/A-flor-do-amor:4

@elyvidal @radiocrista @pastorelyvidal @conipsip @CiepClube
#FalaPortaldaRadio #conipsi #cojae #dojae