Rebater a história bíblica, com base em quê?

Uma pessoa me procurou e me trouxe alguns questionamentos:

Existe algum ponto verdadeiro na história de Adão e Eva, ou é apenas uma história bíblica? A bíblia não se contradiz quando corrobora histórias como essas?
A Bíblia nos manda perdoar os erros dos outros e não julgarmos aos outros, isto não entra em contradição com a figura de um Deus todo poderoso que julga? E que além de julgar, condena o mundo.
Deus condenou o mundo para que tivesse miséria, doenças, pragas, etc…? Um pai quereria o mal a seu filho?
E a pessoa encerra mostrando-me que ela mesma crê que Deus seja puro, a ponto de não poder ser visto pelos olhos humanos.
E ao mesmo tempo corrobora com suas palavras que o homem vive em um ambiente poluído e que quem por aqui passa, carrega sobre si as marcas do pó da terra.
Agradeço de coração à pessoa que me questionou e garanto-lhe que Deus te ama com o mais profundo amor, porque Ele ama a todos indiscriminadamente, e àqueles que são inquisitivos, Deus guarda uma bênção mais que especial.

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo, Psicanalista, Jornalista e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(41) 98514-8333 (OI)
(41) 99109-8374 (Vivo)
(41) 99821-2381 (WhatsApp)

Mensagem 09012020 – Rebater a história bíblica, com base em quê? – (imagens da internet)

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se esta mensagem te foi útil, e achas que poderá ser útil a mais alguém, ajude-nos: (ficaremos muito gratos que, ao replicar o e-mail, seja preservada a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

@elyvidal @radiocrista @pastorelyvidal @conipsip @CiepClube
#FalaPortaldaRadio #conipsi #cojae #dojae

Comentários

Autor: Ely Vidal

Olá, eu sou Psicanalista, Jornalista, Teólogo e pai de 7 filhos maravilhosos! Presido o Instituto IESS (Instituto de Educação e Serviço Social) que, dentre outras atividades, provê atendimentos psicanalíticos, suporte jurídico por meio da arbitragem e mediação de conflitos. CIP (Psicanalista) sob nº 0001-12-PF-BR. DRT (Jornalista) sob n° 0009597/PR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.