Marcha 12 de outubro de 2017

Toda manifestação é livre segundo os códigos democráticos e o povo deve manifestar a sua satisfação ou insatisfação, desde que de forma ordeira e pacífica.
Tenho comigo que não será uma manifestação, a não ser que ela surpreenda e ultrapasse os limites da pacificidade, é que fará com que o exército tome a dianteira, mesmo assim, depois que as forças policiais tenham intervido e tentado sem sucesso uma pacificidade.
No entanto, o que fará com que as Forças Armadas de fato assumam o controle total, que por enquanto é parcial, é justamente o fato de que Presidência da República, Câmara Federal, Senado Federal e Supremo Tribunal Federal, estão totalmente deteriorados e seus líderes não querem a volta à normalidade, dentro dos padrões constitucionais.
Isso sim, fará com que as Forças Armadas atuem mais fortemente, e a única coisa que eles necessitam do povo é uma voz consoante de apoio às suas atitudes frente ao descontrole da nação por causa dos comunistas que querem implantar a ditadura do proletariado em nosso País.
De minha parte, que venha o contra-golpe com a força total, apesar de que sofreremos muito.

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo, Psicanalista e Jornalista – skype: siscompar – fones: 041-41-99820-9599 (TIM) – 021-41-99821-2381 (CLARO e WhatsApp) – 015-41-99109-8374 (VIVO) – 014-41-98514-8333 (OI) – mensagem 101017 – Marcha 12 de outubro de 2017 – imagens da internet)

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se esta mensagem te foi útil, e achas que poderá ser útil a mais alguém, ajude-nos:

(ficaremos muito gratos que, ao replicar o e-mail, seja preservada a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

#IntervençãoeaLimpezadaNação

Comentários

Autor: Ely Vidal

Olá, eu sou Psicanalista, Jornalista, Teólogo e pai de 7 filhos maravilhosos! Presido o Instituto IESS (Instituto de Educação e Serviço Social) que, dentre outras atividades, provê atendimentos psicanalíticos, suporte jurídico por meio da arbitragem e mediação de conflitos. CIP (Psicanalista) sob nº 0001-12-PF-BR. DRT (Jornalista) sob n° 0009597/PR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.