Brasil, estrutura política em decomposição

Na Rede Globo de Televisão, no ar, Marina Silva gesticula a Haddad em atitude muito apropriada a alguma combinação, com características não republicanas, coisa de PTralhas em atividade… Dá para se dizer que esse ato teria sido alguma trama, contra Bolsonaro, porque era acerca disso que ela falava, quando Bonner lhe pede alguns minutos para poder chamar a atenção da plateia que ovacionava Marina.

Enquanto isso, lemos no site “O Antagonista”, que pelo menos as zonas eleitorais, 258ª e 294ª em São Paulo, apresentaram urnas em que a votação, deu-se por encerrada antes de aparecer a opção para presidente.
É claro, que casos como esse, em sua grande maioria, teve o acionamento da Polícia Militar e esses guerreiros da PM, fizeram a lavratura do referido BO, portanto, não pode ser ignorado o fato.

Mas à revelia disso, vemos a sinistra Rosa Weber que em ato eloquente, em que ela mais parecia uma grande atriz no desempenho de seu papel, discursava, tal e qual uma Greta Garbo, de que não tinha elementos comprobatórios acerca de fraude e que, fraudes, caso tenham havido, serão tomadas as atitudes à altura do caso.

Pois bem, sinistra, isso, eu creio, não precisa nos comunicar, porque isso é o mínimo que se esperaria de uma instituição séria.
É claro que assim como não confiamos no STF, tenho certeza absoluta que eu, mais a maioria da população brasileira, não confiamos no TSE, e por conseguinte, também não confiamos em sua pessoa, pois encontra-se no papel de presidente, dessa, que hoje, para nós é uma das piores instituições de nosso País.
E pelas palavras da ilustre sinistra, resta evidente, que os únicos que estavam atentos ao pleito e ao desenvolvimento do referido pleito, era o povo brasileiro, porque a ilustre sinistra, até o momento da entrevista que foi dada ao vivo pela TV Justiça, não tinha informação sobre nada, tanto que consta pelo vídeo que ela tomou conta ali mesmo, durante a entrevista. Então vemos senhora, que durante o pleito, dos mais importantes do ano, a senhora, estava provavelmente tomando cafezinho.
Utilizando-me de suas próprias palavras Rosa Weber: “É o que eu acabei de dizer, é a desinformação, são as fake news!”. Pois bem, suas próprias palavras, cabem-lhe como uma luva Rosa Weber: É A DESINFORMAÇÃO!
Então a senhora se dirige a uma coletiva de imprensa despreparada para o assunto mais importante do ano para a nação, que ocorre de tempos em tempos apenas, e a senhora demonstra total desconhecimento do fato? Para que estamos lhe pagando?
Renuncia por favor. Não aguentamos mais tamanha desinformação e desinteresse aos assuntos mais importantes da nação.
Não esquecemos e não esqueceremos jamais que a institucionalização do crime está perpetrado de dentro do STF e do TSE.

Assim como Rosa Weber, também, aquele programinha de quinta categoria que a muitos anos vem enganando o povo brasileiro, aquele programinha da Rede Bobo de Televisão: o “Fantástico” veio querendo iludir o povo dizendo que aquilo de urnas com problemas, fazia parte das “fake news”.
Senhores da Rede Bobo, seria bom lembrar que junto ao povo de bem do Brasil, não estão os seus funcionários, e portanto fake news entre nós, não existem, porque quem as produz, são entre outros, os seus funcionários.

Também, entre inúmeros outros atos irregulares pelo Brasil, no Colégio Luis Eduardo Magalhães, (sinceramente não sei de onde é, pelo nome, suspeito que seja na Bahia, que é justamente a terra de Antonio Carlos Magalhães que foi o pai de Luis Eduardo), mesárias em serviço, foram presas, fazendo campanha “ele não” com adesivo no peito e tudo o mais.

Mas temos também um outro vídeo, onde aparecem dois senhores devidamente fardados, defronte à sede da Polícia Federal do Distrito Federal.
Um deles, identifica-se como sendo o Sargento Ivomar da Polícia Militar do Distrito Federal.
Este sargento Ivomar, nos comunica que fora acionado por um representante do TSE do Distrito Federal, que estaria responsável por fazer a verificação das urnas, a coleta de dados e o envio. Esta pessoa responsável pelo TSE, informou que quando ele foi confirmar a chave (senha) dele, deu erro, a urna que deveria estar zerada, já veio com a suspeita de ter votos impressos nela. Ele informou ao responsável do TRE, que lhe informou que ele deveria fazer da forma que estava, ou seja enviar. Ao que ele se negou e entrou em contato com vários outros colegas dele, também responsáveis pelas áreas de TI (Tecnologia da Informação) no DF todo.
Esse problema é no DF, segundo informações que ele repassou agora é no Brasil inteiro.
Diz o Sargento Ivomar que eles estariam, naquele momento do vídeo, na sede da Polícia Federal em Brasília, para fazer o registro necessário e tentar enviar para a frente a fim de que essa eleição transcorra dentro da maior lisura possível.
Após a fala do primeiro, Sargento Ivomar, entra a segunda pessoa, identificando-se como Sargento Hércules, e fala que a situação é um pouco mais grave do que se imagina.
Repete como o primeiro de que eles estão na Polícia Federal com o rapaz que fora mencionado pelo primeiro.
E diz: “a informação que a gente tem é que o novo código enviado pelo TRE-DF, não imprime o zeramento da urna. Quando ele coloca o código, o código não imprime. E outra, tem mais um código que é usado para poder liberar a transmissão de cada urna.
Então a urna vem lacrada e quando ele digita o código, a urna se abre e ao final da votação ele envia todos os votos.
Quando ele foi liberar as urnas, para que fosse liberado o sistema, as urnas já estavam liberadas.
Então, além da questão do código de envio, ainda tem a alteração na liberação das urnas para envio do material.

Seção 50 zona 320 em São Paulo.
Em Criciúma no Colégio Roberto Iussi, na Próspera, na seção 411. CIEP Calabouços em Campos dos Goytacazes, no CEPEC
zona 0298 – seção 0097
Ivair Otávio Fortes, representante do PSL em Palmas, 29ª zona e seção 0336 zona 146 em Goiânia no Jardim Guanabara
Vila Toninho

Vlady Oliver, colunista falou que se alguém queria saber qual urna é fraudada, deveria pegar as urnas onde Dilma e Suplicy teriam mais votos e por ali teriam evidenciadas as fraudes.
Curiosamente percebemos que Dilma e Suplicy foram eliminados. Fato interessante não é mesmo?

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo, Psicanalista, Jornalista e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(41) 98514-8333 (Oi)
(41) 99820-9599 (Tim)
(41) 99109-8374 (Vivo)
(41) 99821-2381 (WhatsApp)

Mensagem 071018 – Brasil, estrutura política em decomposição – (imagens da internet)

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se esta mensagem te foi útil, e achas que poderá ser útil a mais alguém, ajude-nos: (ficaremos muito gratos que, ao replicar o e-mail, seja preservada a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

#COJAE

Comentários

Autor: Ely Vidal

Olá, eu sou Psicanalista, Jornalista, Teólogo e pai de 7 filhos maravilhosos! Presido o Instituto IESS (Instituto de Educação e Serviço Social) que, dentre outras atividades, provê atendimentos psicanalíticos, suporte jurídico por meio da arbitragem e mediação de conflitos. CIP (Psicanalista) sob nº 0001-12-PF-BR. DRT (Jornalista) sob n° 0009597/PR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.