Vivendo e corrigindo o hoje com base nos erros do ontem

Não temos porque não aprender com os erros nossos e de nossos irmãos.
Seria ignorância não buscar a correção do dia-a-dia. tendo por base a experiência do ontem.
Muitas armadilhas que nós mesmos deixamos armadas, podem muito bem, vir a ser desarmadas, para que possamos passar, sem que essas armadilhas nos sirvam de laços. Existem muitos casos em que somos vítimas de nossos próprios erros.
Não haveria motivo algum para que estivessemos pagando por erros que nós mesmos poderíamos ter corrigido, bastaria para tanto que houvessemos prestado atenção ao que vivemos, e ao que iria acontecer, em função de experiências que vêm de um passado, distante ou não.
Tudo está aí, basta que prestemos atenção ao que está à nossa volta. A leitura dos signos nos indica os caminhos que se descortinarão à nossa frente, à medida que avançarmos em direção ao futuro.
Nada de novo no horizonte, tudo faz parte de uma dinâmica, que nos foi apresentada no momento de nosso nascimento. A falta de conhecimento é inimiga de uma boa gestão.

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo, Psicanalista, Jornalista e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(014) 41 9 8514-8333 (Oi)
(041) 41 9 9820-9599 (Tim)
(015) 41 9 9109-8374 (Vivo)
(021) 41 9 9821-2381 (WhatsApp)

Mensagem 300617 – Vivendo e corrigindo o hoje com base nos erros do ontem – (imagens da internet)

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se esta mensagem te foi útil, e achas que poderá ser útil a mais alguém, ajude-nos: (ficaremos muito gratos que, ao replicar o e-mail, seja preservada a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

#COJAE

Comentários

Autor: Ely Vidal

Olá, eu sou Psicanalista, Jornalista, Teólogo e pai de 7 filhos maravilhosos! Presido o Instituto IESS (Instituto de Educação e Serviço Social) que, dentre outras atividades, provê atendimentos psicanalíticos, suporte jurídico por meio da arbitragem e mediação de conflitos. CIP (Psicanalista) sob nº 0001-12-PF-BR. DRT (Jornalista) sob n° 0009597/PR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *