Profeta ou profeteiro

“E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará.” (Jo 8:32)

“Mas depois da ascensão do nosso Senhor Jesus, houve uma efusão mais abundante do Espírito de profecia do que em qualquer outra época anterior. Então foi cumprida a promessa de que Deus derramaria o seu precioso Espírito sobre toda carne (e não apenas sobre os judeus como vinha acontecendo até aquele momento) e seus filhos e suas filhas profetizariam.

“Homens irmãos, convinha que se cumprisse a Escritura que o Espírito Santo predisse pela boca de Davi, acerca de Judas, que foi o guia daqueles que prenderam a Jesus;
Porque foi contado conosco e alcançou sorte neste ministério.” (At 1:16,17 leiam a sequência)

O dom de línguas foi um novo produto do Espírito de profecia, e dado para um propósito específico; tendo sido derrubada a parede de separação judaica, todas as nações agora poderiam ser trazidas para a igreja. Esses dons funcionam há muito tempo como sinais e nos conduzem à leitura das Escrituras. A Palavra de Deus escrita será sempre a maior profecia. Assim, somos levados a prestar atenção nas profecias, buscá-las, e permanecer firmes nelas.

“E temos, mui firme, a palavra dos profetas, à qual bem fazeis em estar atentos, como a uma luz que alumia em lugar escuro, até que o dia amanheça, e a estrela da alva apareça em vossos corações.” (2 Pe 1:19)

Todos aqueles que fazem parte do Israel espiritual de Deus sabem que estão estabelecidas para ser os oráculos de Deus.

“E todo o Israel, desde Dã até Berseba, conheceu que Samuel estava confirmado por profeta do Senhor.” (1 Sm 3:20)

E se alguém acrescentar algo, ou tirar algo do livro desta profecia, poderá ler a sua condenação no final dela; Deus tirará deles as Suas bênçãos, e lhes acrescentará as maldições previstas.

“Porque eu testifico a todo aquele que ouvir as palavras da profecia deste livro que, se alguém lhes acrescentar alguma coisa, Deus fará vir sobre ele as pragas que estão escritas neste livro;
E, se alguém tirar quaisquer palavras do livro desta profecia, Deus tirará a sua parte do livro da vida, e da cidade santa, e das coisas que estão escritas neste livro.” (Ap 22:18-19)

Que todos eles foram homens santos. Somos assegurados pelo apóstolo de que a profecia foi introduzida no passado por homens santos de Deus (e eram comumente chamados de homens de Deus, porque eram dedicados a Ele), que falavam à medida que eram inspirados pelo Espírito Santo. Eles foram homens sujeitos às mesmas paixões que nós (como também Elias, um dos maiores deles.

“Elias era homem sujeito às mesmas paixões que nós e, orando, pediu que não chovesse e, por três anos e seis meses, não choveu sobre a terra.” (Tg 5:17)

Mas eles foram homens santos. Homens que no temperamento, nos pensamentos e na essência de suas vidas foram exemplos de uma autêntica piedade. Houve muitos homens falsos que, sem qualquer autoridade, diziam: “Assim diz o Senhor”, sem que Ele os tivesse enviado. Houve alguns que profetizaram em nome de Cristo, sem jamais o terem conhecido.” (nota introdutória do livro de comentários de Matthew Henry, do Livro de Isaías, Prefácio IX)

“Amados, não creiais a todo o espírito, mas provai se os espíritos são de Deus, porque já muitos falsos profetas se têm levantado no mundo.” (1 Jo 4:1)

“Deus não fez uso de idiotas ou tolos para revelar a sua vontade, mas aqueles cujos intelectos eram inteiros e perfeitos. E Ele imprimiu uma cópia clara de sua verdade sobre eles, a ponto de torná-la o seu próprio sentimento, sendo completamente digerida em seus entendimentos, para que pudessem entregar e representar a verdade aos outros tão verdadeiramente quanto alguém é capaz de expor os seus próprios pensamentos”. Os mensageiros de Deus eram homens que falavam, e não trombetas falantes. Os Patriarcas frequentemente notavam essa diferença entre os profetas do Senhor e os falsos profetas. Aqueles que fingiam profetizar (eram impelidos por um espírito maligno ou estavam sob a força de uma imaginação acalorada) sofriam alienações da mente, e entregavam o que tinham a dizer na máxima agitação e desordem, como as profetizas pitianas, que entregavam os seus oráculos infernais com muitos gestos extravagantes, arrancando os seus cabelos e espumando pela boca. E por essa lei eles condenavam os montanistas que fingiam profetizar, no século.

Eles se expressavam como que em meio a um êxtase; não como homens racionais, mas como homens que estão em um frenesi. Crisóstomo “Acerca dos dons espirituais, não quero, irmãos, que sejais ignorantes.” (1 Co 12:1), tendo descrito os movimentos violentos e furiosos dos falsos profetas, acrescenta: Ho de Prophetes ouch houtos – Um verdadeiro profeta não age assim. Sed mente sobrie, et constanti animi staut, et intelligens quae profert, omnia pronunciat – ele entende o que declara, e o declara de forma sóbria e calma. E Jerônimo, no prefácio de seus Comentários sobre Naum, observa que ele é chamado de o livro da visão de Naum. Non enim loquitur em ekstasei, sed est líber intelligentis omnia quae loquitur – Porque ele fala não em êxtase, mas como alguém que entende tudo o que diz. E outra vez, Non ut amens loquitur propheta, nec in morem insanientium foeminarum dat sine mente sonum – O profeta não fala como uma pessoa insana, nem como mulheres em fúria, ele não pronuncia sons sem sentido.” (nota introdutória do livro de comentários de Matthew Henry, do Livro de Isaías, Prefácio X e XI)

“Lembra-te de mim, ó meu Deus, para o bem, e me guarde segundo a multidão das tuas misericórdias”. Que o precioso Senhor perdoe o que for meu, e aceite o que pertence a Ele! (…)
E se for do agrado de Deus me levar pela morte antes desta obra ser terminada, confio que serei capaz de dizer não só “Bem-vinda seja a sua bendita vontade”, mas, “Bem-vindo, mundo abençoado”. Embora conheçamos em parte, e profetizemos somente em parte, quando vier o que é perfeito, então o que o é em parte será aniquilado.

“O amor nunca falha; mas havendo profecias, serão aniquiladas; havendo línguas, cessarão; havendo ciência, desaparecerá; Porque, em parte, conhecemos, e em parte profetizamos;
Mas, quando vier o que é perfeito, então o que o é em parte será aniquilado.
Quando eu era menino, falava como menino, sentia como menino, discorria como menino, mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino.
Porque agora vemos por espelho em enigma, mas então veremos face a face; agora conheço em parte, mas então conhecerei como também sou conhecido.” (1 Co 13:8-12)

“Neste mundo por vir todos os nossos erros serão corrigidos, todas as nossas dúvidas sanadas, todas as nossas deficiências compensadas, todas as nossas tentativas de pregar, discipular e explicar serão suplantadas e consideradas como atividades passadas, e todas as nossas orações serão absorvidas em louvores eternos, nos quais as profecias, agora tão admiradas, já estarão cumpridas, e as línguas cessarão, e o conhecimento que temos agora desaparecerá, como ocorre com a luz da estrela da manhã quando nasce o sol. Ali já não veremos mais como por espelho em enigma, mas face a face. Em uma expectativa confiante, consoladora e bem fundada daquela luz verdadeira e perfeita desejo continuar, quer viva quer morra. Em uma preparação humilde e diligente para isso quero passar a minha vida, ansioso por desfrutar o prazer que não tem fim. Ó, que eu possa passar uma eternidade gloriosa!” (nota introdutória do livro de comentários de Matthew Henry, do Livro de Isaías, Prefácio XII)

“Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres.” (Jo 8:36)

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo, Psicanalista, Jornalista e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(41) 99820-9599 (TIM)
(41) 98514-8333 (OI)
(41) 99109-8374 (Vivo)
(41) 99821-2381 (WhatsApp)

Mensagem 310119 – Profeta ou profeteiro – (imagens da internet)

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se esta mensagem te foi útil, e achas que poderá ser útil a mais alguém, ajude-nos: (ficaremos muito gratos que, ao replicar o e-mail, seja preservada a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

@elyvidal @radiocrista @pastorelyvidal @conipsip
#FalaPortaldaRadio #BoicoteaRedeGlobo #conipsi #cojae #dojae #ciepClubedeImprensa #abaixoaRedeGlobo

Comentários

Autor: Ely Vidal

Olá, eu sou Psicanalista, Jornalista, Teólogo e pai de 7 filhos maravilhosos! Presido o Instituto IESS (Instituto de Educação e Serviço Social) que, dentre outras atividades, provê atendimentos psicanalíticos, suporte jurídico por meio da arbitragem e mediação de conflitos. CIP (Psicanalista) sob nº 0001-12-PF-BR. DRT (Jornalista) sob n° 0009597/PR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.