Pois bem, os bolsonaristas querem briga

Não sei quem são os responsáveis pelos áudios, em um dos áudios, supõe-se que seja um militar da ativa e que coloca esses possuidores de patente que tentam intimidar o povo por suas patentes.
Fica claro que, ao chegar alguém a você e te colocar uma patente na cara, dizendo: “eu sou capitão”, eu sou general”, “eu sou coronel”, enfim, isso é apenas o esfregar na cara de milhões aquilo que é tão famoso já por aí, como sendo, “CARTEIRAÇO”.
Pois muito bem, ouçam com atenção os áudios e lembrem-se o que é que nos está esperando na curva da esquina da vida, e que está sendo orquestrado, inclusive, por esses que se dizem: “salvadores da pátria”. Infeliz o homem que precisa de heróis, e infeliz a pátria que necessita de salvadores, que não seja o único e suficiente salvador Jesus, que é o Cristo de Nazaré.
Os bolsonaristas querem briga, estão, tais e quais os militontos dos apoiadores de Lula, MST, Dilma, etc… Sempre que você não se dobra ao pensamento deles, eles entram em suas páginas, e canais de youtube, dispostos a te destruir.
Pois entendam bolsonaristas idiotas, no que depender de mim, e eu sei que não sou de nada, as eleições não acontecerão. Nos comentários deste vídeo, deixarei os links dos áudios a que me refiro.
Se as eleições, não tiraram os comunistas do poder em lugar algum do mundo e que sempre e sempre promovem eleições, como acham que estas eleições no Brasil, promovidas à custa do dinheiro do Grupo Bilderberg.
Lembrando que o grupo Bilderberg, é uma conferência, ou reunião de um grupo de pessoas que fazem parte das famílias mais ricas do mundo e que reúnem-se secretamente a fim de discutir os destinos da humanidade pelos seus pontos de vista
Pode-se prever que pelo menos dois terços de seus participantes são oriundos da Europa e que o restante provém da América do Norte, e que a inclusive a família real britânica participa desse clube
Este clube teria sido fundado em 1954 através do príncipe Bernhard, da Holanda, juntamente com o primeiro-ministro belga Paul Van Zeeland, com o conselheiro político Joseph Retinger e pelo presidente da multinacional Unilever na época, o holandês Paul Rijkens. Este clube seria uma organização não-oficial que teria seu nascedouro com o fim de supostamente promover uma “cooperação transatlântica” e debater “assuntos relevantes em nível mundial”, na época que isso foi criado, dava a entender, por justamente passarmos por uma Guerra Fria, que esse grupo discutiria a malfadada ameaça comunista.
Esse nome Bilderberg foi dado em função de que a primeira reunião do grupo foi provida, e administrada pelo hotel holandês que abrigou a primeira reunião, em 1954. E como o sucesso da reunião foi absoluto, então resolveram seus integrantes de que esse evento deveria ocorrer anualmente, em algum país europeu, nos Estados Unidos ou no Canadá.
Cerca de 120 personalidades das mais diversas reúnem-se de tempo em tempo . São encontros em hotéis finíssimos e preferencialmente longe do olhar de curiosos dos mais diferentes matizes.
O esquema de segurança é sempre dos melhores do mundo. Uma das conferências mais recentes foi realizada no Ritz-Carlton de Istambul, na Turquia, entre os dias 31 de maio e 3 de junho.
Essas conferência são sempre muito criteriosas com os convidados, alguns que podem ter sido considerados “habituês” nas reuniões: Donald Rumsfeld – ex-secretário de Defesa norte-americano;
Peter Sutherland – que foi diretor-geral da Organização Mundial do Comércio, vindo a ser diretor-executivo da British Petroleum e da Goldman Sachs International, além de membro organizador do comitê Bilderberg;
Paul Wolfowitz – ex-subsecretário de Defesa do governo de George W. Bush e ex-presidente do Banco Mundial; assim como Henry Kissinger – que foi secretário de Estado norte-americano.
Também não devemos esquecer que: Bill Clinton, Tony Blair, Javier Solana, David Rockefeller e Bill Gates, foram integrantes da seleta relação de convidados.
São reuniões fechadas e altamente secretas, e isso gera a especulação de que nessas reuniões se decide o assassinato de líderes, ou mesmo a queda ou renúncia daqueles que estejam desagradando o sistema visto como adequado pelos membros deste grupo. Sérvios creem ter saído dessas reuniões a queda de Slobodan Milosevic.
E especula-se que alguns terroristas como: Timothy McVeigh, que foi responsável pelo atentado de Oklahoma City, David Copeland, que foi um dos responsáveis pelo atentado no metrô de Londres, e ainda que Osama Bin Laden, tinham como certo que os governos quase que mundiais, obedecem às ordens dadas tomadas nessas reuniões.
Segue abaixo alguns nomes de alguns convidados para uma dessas maravilhosas reuniões, pode-se ver que são nomes de calibre, não se encontrando no meio, ninguém que não tenha cifras expressivas em suas contas bancárias, destes nomes, alguns marcaram presença na conferência de Istambul na Turquia: Rainha Beatrix, da Holanda;
Lloyd Blankfein, presidente e chefe-executivo do banco Goldman Sachs; Paul Gigot, editor da página de editoriais do Wall Street Journal;
Jaap de Hoop Scheffer, secretário-geral da Organização do Tratado do Atlântico Norte; Rei Juan Carlos I, da Espanha;
Muhtar Kent, presidente e diretor de operações da Coca-Cola;
Henry Kissinger, ex-secretário do ex-presidente Richard Nixon e atual presidente da Kissinger Associates; Klaus Kleinfeld, presidente da Siemens;
John Mickletwait, editor do The Economist;
Jorma Ollila, chairman da Nokia e da Shell;
Príncipe Philippe, da Bélgica;
Eric Schmidt, presidente e chefe-executivo do Google;
Klaus Schwab, presidente executivo do Fórum Econômico Mundial; Javier Solana, secretário-geral do Conselho da União Européia; Michael Tilmant, presidente do ING Group;
Jean-Claude Trichet, presidente do Banco Central Europeu;
Daniel Vasella, presidente e chefe-executivo da Novartis;
Jeroen van der Veer, chefe executivo da Shell;
Paul Wolfowitz, presidente do Banco Mundial;
Robert Zoellick, executivo do Goldman Sachs, e posteriormente presidente do Banco Mundial.
Pois bem, vocês bolsonaristas, que querem briga. me respondam: “o que queria o Bolsonaro na reunião que teve com Shannon K. O’Neil, braço forte do grupo em fevereiro de 2018, lembrando que essa mulher, é a principal representante dos interesses do grupo na América Latina.

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo, Psicanalista, Jornalista e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(41) 98514-8333 (Oi)
(41) 99820-9599 (Tim)
(41) 99109-8374 (Vivo)
(41) 99821-2381 (WhatsApp)

Mensagem 130818 – Pois bem, os bolsonaristas querem briga – (imagens da internet)

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se esta mensagem te foi útil, e achas que poderá ser útil a mais alguém, ajude-nos: (ficaremos muito gratos que, ao replicar o e-mail, seja preservada a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

#COJAE

Comentários

Autor: Ely Vidal

Olá, eu sou Psicanalista, Jornalista, Teólogo e pai de 7 filhos maravilhosos! Presido o Instituto IESS (Instituto de Educação e Serviço Social) que, dentre outras atividades, provê atendimentos psicanalíticos, suporte jurídico por meio da arbitragem e mediação de conflitos. CIP (Psicanalista) sob nº 0001-12-PF-BR. DRT (Jornalista) sob n° 0009597/PR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.