O Brasil já está definido como um País comunista I

Como eu disse no primeiro vídeo gravado em 31 de janeiro de 2018, os safados de plantão já dominaram o País, restam ainda alguns passos que estão sendo dados com o intuito de dominar totalmente o restante das instituições que teimam por manter um pingo da decência necessária para a continuidade da sociedade como um todo.
Enquanto os jogadores dão seus lances, a sociedade continua sendo afetada de forma absurda pelos desmandos que predominam em todos os segmentos.
E quem continua pagando a conta é a camada do andar de baixo, ou seja, nós, o povo pobre e totalmente desamparado, somos os que pagam a conta, para que os que ocupam o andar de cima, possam desfilar em seus carrões reluzentes, brilhando com suas joias por onde quer que passem.

Conta-se que em um show do Juca Chaves, ele teria dito que esperava que o aplaudissem, e que aqueles que não quisessem aplaudir que apenas chacoalhassem seus braços que ele entenderia aquilo como um aplauso, dado o fato de em sua plateia haver muitas pessoas do andar de cima.

“A sociedade moderna, não apenas no Brasil, mas no mundo todo, está doente, formando pessoas doentes para um sistema doente.” (Augusto Cury)

Rosa Weber e Raul Jungmann proíbem policiais de divulgarem crimes eleitorais.
E vemos as novidades surgindo para penalização do povo de forma geral. Afinal existe uma proposta que tem por base a abolição da pena de prisão para todos os crimes que não sejam praticados mediante violência.
Pois bem, a corrupção e a lavagem de dinheiro, que ocasiona os maiores crimes violentos, também em sua natureza são praticados quase sem violência, e o tráfico também em sua grande maioria são cometidos por pessoas que aparentemente não se utilizam da violência.
Poder-se-ia dizer que, corruptos, traficantes, entre outros, são pessoas de caráter não violentos.

O TSE, Tribunal Superior Eleitoral, vem exercendo pressão nas mídias sociais, e ao que consta, o próprio WhatsApp tem se pronunciado no sentido de protagonizar junto às autoridades brasileiras, assim como o facebook e outras mídias, no sentido de censurar o povo, como se isso fosse uma coisa que pudesse ser definida, tanto pelas mídias sociais, como pelas autoridades momentâneas, numa sociedade onde deve prevalecer os direitos constitucionais previstos para um Estado Democrático de Direito.

O que eles alegam é que agindo dessa forma, eles estariam impedindo a disseminação das chamadas notas ou notícias que eles considerem “fake-news”, ou como popularmente se conhecem, as notícias falsas.

Bem, vemos que o General Villas Boas em 26/09/2015, já alertava para o fato de que “as instituições têm que estar funcionando em harmonia e que dessa forma, não haveria a necessidade da tutela por parte das Forças Armadas”, pois bem, vemos então que eles se arvoram ao direito de tutelar a população pelos membros dos Tribunais Superiores.

Segundo consta o TSE visa, por meio do Conselho Consultivo sobre Internet e Eleições, controlar o que eles querem no que remete aos humores do povo brasileiro.
Fizeram assim uma reunião no dia 16/10/18 com representantes do WhatsApp, com o fim de censurar de forma arbitrária o povo em suas expressões, e dessa forma reduzir a liberdade do povo no aplicativo.

Além disso tudo, vemos as iniciativas contra a fraude que ocorreu no primeiro turno, em plena atividade, ainda ontem verifiquei que Bia Kicis, Joice Hasselmann e Paulo Martins, resolveram aventurar-se nessa reclamação, ao que eu aplaudo, porque é claro que não deve ser reclamada a fraude apenas pelos perdedores.
Juntamente com isso, vemos a movimentação de Cabo Daciolo, que segundo me consta, entrou ou já está entrando com um pedido de anulação das eleições, e, dessa mesma forma, Ciro Gomes, parece já estar se pronunciando nesse sentido de, também pedir a referida anulação do primeiro turno, a fim de que possa ser retomada a eleição e que de forma mais séria e menos criminosa, possa transcorrer o pleito no País.

É certo que faltam apenas uns poucos lances no grande tabuleiro, para enfim dizer ao povo o que é que a partir de um determinado momento irá reger o futuro desta nação.
Ninguém tem mais o que fazer, a não ser agora a força real das armas, porque todas as demais cartas já foram distribuídas.
E todos sabem que comunistas não saem do poder por bem, e que apenas pelo emprego da força é que esses indivíduos podem ser depostos.

O “Foro de São Paulo”, mantém a sua liderança na América Latina, e promete expandir seus tentáculos, com o objetivo de tornar realidade a proposta da URSAL (União das Repúblicas Socialistas da América Latina) e assim poder estabelecer definitivamente a tão falada “Pátria Grande”, que não passa de mais uma armadilha para o povo de forma geral, e mais especialmente, ao povo brasileiro.

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo, Psicanalista, Jornalista e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(41) 98514-8333 (Oi)
(41) 99820-9599 (Tim)
(41) 99109-8374 (Vivo)
(41) 99821-2381 (WhatsApp)

Mensagem 171018 – O Brasil já está definido como um País comunista I – (imagens da internet)

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se esta mensagem te foi útil, e achas que poderá ser útil a mais alguém, ajude-nos: (ficaremos muito gratos que, ao replicar o e-mail, seja preservada a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

#COJAE

Comentários

Autor: Ely Vidal

Olá, eu sou Psicanalista, Jornalista, Teólogo e pai de 7 filhos maravilhosos! Presido o Instituto IESS (Instituto de Educação e Serviço Social) que, dentre outras atividades, provê atendimentos psicanalíticos, suporte jurídico por meio da arbitragem e mediação de conflitos. CIP (Psicanalista) sob nº 0001-12-PF-BR. DRT (Jornalista) sob n° 0009597/PR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.