O Brasil e a corrida conservadora contra o comunismo

Suzano, interior do estado de São Paulo, grande movimento de Forças militares.
Segundo informações do próprio exército, seriam procedimentos de rotina de exercícios de comando, bem como de ação e liderança em diferentes níveis.
Oportuno falar que o referido exercício, parece envolver um contingente de aproximadamente 600 homens.

Prédio abandonado em bairro nobre de Curitiba, Capital do Paraná, foi incendiado. Isso ocorreu no Bairro Batel. Não importa a causa, temos que reagir aos desmandos que estão ocorrendo no Brasil inteiro.

No dia 12/09/18 General Joaquim Silva e Luna, foi e ao que consta, de maneira quase sorrateira à Venezuela, encontrar o ministro da Defesa daquele País, e ao que tudo indica foi, quase que escondido. Diz ele, ter feito isso como forma estratégica.
Parece que o referido encontro deu-se na cidade venezuelana de Puerto Ordáz, onde encontraram-se, o general Joaquim Silva e Luna, que representa o Brasil na qualidade de ministro da Defesa Brasileiro, e seu homólogo venezuelano general Vladimir Padrino.
Dá-se conta, ou pelo menos é o que tenta fazer crer a quantos questionem que nesse encontro, o ministro da defesa brasileiro teria pedido a Vladimir Padrino que desse continuidade ao fornecimento de energia elétrica a Roraima, e escutou de seu interlocutor o pedido de ajuda humanitária ao povo que vem do país vizinho, por conta da forte e violenta crise financeira e humanitária que a Venezuela está enfrentando. Segundo Silva e luna:

“Eu procurei esconder. Foi estratégia minha, mesmo. Eu não sabia como ia ser essa recepção. As relações diplomáticas com a Venezuela estão rompidas. Nosso embaixador foi expulso. Estamos há dez meses sem ter contato com a Venezuela. É o primeiro representante do governo que vai ao país desde o rompimento.”

Enquanto isso, nesta quinta-feira 13/09/18, o município de Parelhas, que se localiza no Seridó potiguar, passou e passa ainda pela amargura de ter vivido momentos de terror na madrugada do dia 12 para o dia 13.
A ação criminosa parece ter sido durante aproximados 30 minutos, onde os bandidos resolveram explodir caixas eletrônicos dos bancos BRADESCO e Banco do Brasil.

Toda a atividade criminosa deu-se por volta das 2 horas da madrugada. Chegaram à cidade inúmeros homens fortemente armados, que passando por postos policiais passaram atirando e ateando fogo em carro na frente do destacamento, a fim de impedir a ação criminosa. Além disso e após e durante a ação atiravam a esmo pela cidade, c.

A ação criminosa foi registrada por volta das 2h10. A quadrilha, numerosa, chegou em pelo menos 5 carros. Destemidos, atearam fogo em um carro na frente do destacamento da Polícia Militar, impedindo a saída dos policiais de serviço. Não bastasse, disparos foram efetuados pela cidade, promovendo pânico aos moradores.

Logo após a ação criminosa, os bandidos espalharam grampos de ferro nas saídas da cidade. Ainda não se sabe a quantia roubada.

Brasil acima de tudo. Jovens, não desistam do Brasil, vamos lutar pelo que é nosso. Bem sabemos, já nos foi dito pelo general Miotto, este não é o País que deixaremos para nossos filhos e netos. O que queremos é uma outra nação.

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo, Psicanalista, Jornalista e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(41) 98514-8333 (Oi)
(41) 99820-9599 (Tim)
(41) 99109-8374 (Vivo)
(41) 99821-2381 (WhatsApp)

Mensagem 130918 – O Brasil e a corrida conservadora contra o comunismo – (imagens da internet)

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se esta mensagem te foi útil, e achas que poderá ser útil a mais alguém, ajude-nos: (ficaremos muito gratos que, ao replicar o e-mail, seja preservada a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

#COJAE

Comentários

Autor: Ely Vidal

Olá, eu sou Psicanalista, Jornalista, Teólogo e pai de 7 filhos maravilhosos! Presido o Instituto IESS (Instituto de Educação e Serviço Social) que, dentre outras atividades, provê atendimentos psicanalíticos, suporte jurídico por meio da arbitragem e mediação de conflitos. CIP (Psicanalista) sob nº 0001-12-PF-BR. DRT (Jornalista) sob n° 0009597/PR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.