Leopard, Carro de Combate de Guerra, Manobras do Leopard.

Este é um dos mimos do nosso exército, trata-se de um carro de combate de fabricação alemã que custou muito caro, mas que vem a somar em nossas defesas.
Um veículo com tão excelente aceitação que os Israelenses resolveram também passar a fabricar essa belezinha. – (ely silmar vidal –
jornalista e presidente da DOJAE – Diário Oficial da Justiça Arbitral e Ecleaisástica) Proteção
A proteção blindada do Leopard 1A5 pode ser considerada adequada para o cenário sul-americano, porém uma simples adição de um pacote de blindagem adicional daria novas dimensões ao poder de combate destes veículos, o que é uma repotencialização simples, rápida e relativamente barata de se fazer. No mercado internacional existem kits de blindagem da própria Krauss-Maffei Wegmann (KMW) alemã, da Rafael israelense, entre outros. Um tipo que vale a pena mencionar é o MEXAS (Modular Expandable Armour System), desenvolvido pela empresa alemã IBD e adotada pelo Exército Canadense para equipar seus Leopard C2 (1A5), dotando-os de proteção blindada capaz de fazer frente às munições de última geração. Mobilidade
A menos viável das mudanças, por envolver grandes custos e mão de obra. Seria interessante utilizar um motor MTU MT 881 ou um MTU MB 871 para trazer o Leopard 1A5 para um nível de mobilidade um pouco superior ao que possuía o EE-T1 P1 Osório, e ainda reduzir seu consumo de combustível, mas isto pode ser considerado algo supérfluo face nosso cenário de emprego, principalmente se observadas as VBTT ou VBCI eventualmente empregadas para acompanhar os Carros de Combate em nosso Exército.
http://www.facebook.com/apostoloelyvidal/videos/702775569852166/?l=415489123085835860

Comentários

Autor: Ely Vidal

Olá, eu sou Psicanalista, Jornalista, Teólogo e pai de 7 filhos maravilhosos!

Presido o Instituto IESS (Instituto de Educação e Serviço Social) que, dentre outras atividades, provê atendimentos psicanalíticos, suporte jurídico por meio da arbitragem e mediação de conflitos.

CIP (Psicanalista) sob nº 0001-12-PF-BR.
DRT (Jornalista) sob n° 0009597/PR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *