Intervenção em andamento, alguma dúvida disso?

Gente, estamos lidando com bandidos e isso é sabido. Também sabemos que os principais alvos em caso de ações terroristas são: as Companhias de águas; Energia Elétrica; bem como os polos químicos, assim como os polos petro-químicos. Digamos que aí estão os pontos nevrálgicos de uma nação.
Haja vista aquele atentado que foi impedido na BR 101, no dia 02/09/2018, próximo ao Balneário Camboriú em Santa Catarina.
Aquele atentado estava sobre um ponto da malha de um gasoduto. E portanto o objetivo era exatamente aquele: “Botar fogo no País!”
Ao explodir aquilo, causaria um rastro de destruição tão grande, que eu creio, não é possível antever os danos que foram impedidos naquele dia. Só posso dizer: Deus está conosco e tem olhado por nós e por nossos irmãos.
Nossos inimigos são pessoas totalmente desprovidas de qualquer sentimento pelo outro, e dessa forma, capaz de promover atos que sequer conseguimos imaginar a proporção do estrago que será causado pela atitude inescrupulosa e nefasta do delinquente.

-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-

Bem, como todos perceberam em 15/09/2017, o general Hamilton Mourão Filho, esteve dentro do Grande Oriente do Brasil, que é onde se reúnem todas as Lojas Maçônicas ligadas ao Grande Oriente, e lá, como eu costumo dizer, deu o seguinte recado à nação, e não foi por sua própria conta e risco não.
Lá ele colocou para fora alguns tópicos que devem sim ser levados em conta e com muita atenção:

– Se o Judiciário não afastar da vida pública, todos os elementos envolvidos em atos ilícitos, nós (refere-se aqui aos militares), teremos que impôr isso.

Esta afirmação, repito, com toda a certeza, levava a assinatura de todo o Alto Comando.
E tenho elementos de sobra em minhas análises que me corroboram o fato de que, naquele momento, ele não estava amparado apenas pela Maçonaria, e também não estava somente amparado pelo Alto Comando que naquele momento ele representava, mas que também, por trás dele estava circulando a sombra do Serviço Secreto Norte Americano.
Nessa ocasião, ele foi ovacionado, porque aquilo tudo que ele externou ali, é sabido internacionalmente que é a vontade de praticamente toda a sociedade brasileira.

Dizia ele na ocasião, que todos aqueles elementos, delatados, acusados, inclusive o Presidente da República, não forem afastados, então, as Forças Armadas, os afastarão.

Este a meu ver, foi o primeiro passo, para que o mundo soubesse que a Intervenção Militar estava sendo deflagrada no Brasil.

No dia 19/09/2017 a Rede Globo entrevistou através do Pedro Bial o General Eduardo Dias da Costa Villas Bôas. Nesta entrevista Bial perguntou a Villas Boas, se o Mourão seria penalizado, por ter sido, digamos, indisciplinado, ou algo assim. O Villas Boas responde já ter conversado com o Mourão e que estava tudo certo. O Bial insistiu na pergunta: “Mourão não será punido?” (não com estas palavras) Villas Boas responde “Não, já conversamos, e está tudo certo.”
E nesta ocasião, o próprio general Villas Boas, dá a sua explicação no que se refere à aplicação do Artigo 142: quando o País, possa estar, diante de um caos Institucional generalizado, então seria viável a utilização dos mecanismos descritos por Mourão.
Traduzindo, quando as Instituições não funcionam mais, quando os três poderes já não falam a mesma língua, quando não mais existe a tão sonhada harmonia entre os poderes. Exatamente o que está acontecendo no Brasil.
– Temer foi acusado duas vezes em menos de 60 dias de vários crimes, pelo Ministério Público Federal;
– O STF, Supremo Tribunal Federal, não cumpre o seu papel, apenas assina Habeas Corpus para beneficiar A ou B, e além de não julgar os políticos que lhe cabe julgar e tirar da vida pública, a fim de manter e firmar mais fortemente o equilíbrio entre os poderes, ainda vemos postada de joelhos a instituição aos pés dos podres poderes. Renan Calheiros, Aécio Neves, entre os outros, seus processos são verdadeiros tapas na cara do povo brasileiro, mas também do equilíbrio de forças das Instituições.

Creio que neste ponto, eu consigo então entender, melhor o pronunciamento do General Villas Boas, pelo qual ele foi tão duramente criticado, inclusive por mim.

“O nosso País está absolutamente maduro, as instituições funcionando perfeitamente bem, com seus espaços de atuação definidos, com um sistema de pesos e contra-pesos, que dispensa a sociedade de ser tutelada.”
“Questão da violência, senador Tasso Jereissatti, os nossos indicadores são estarrecedores. Morrem assassinados por ano no Brasil, 55 mil pessoas; são estupradas por dia no Brasil, 100 mulheres; desaparecem por ano no Brasil, 200 mil pessoas, destas, 20 mil não reaparecem. Então, nenhum conflito no mundo, cobra um índice tão grande de perdas humanas. Eu vou ser franco, eu não entendo a passividade nossa, do Brasil como um todo. A população em geral, e nós autoridades diante disso. As pessoas que morrem por ano no Brasil, é muito superior, às pessoas que estão se refugiando lá no Oriente Médio.
A pergunta é: Até quando nós vamos permitir que isso aconteça. Então, junto com a questão do narco-tráfico, que estão intimamente relacionadas, eu acho que é um tema que nós temos que abordar de formas diferentes, com outras abordagens, e com mais intensidade, com uma visão integrada, sistêmica, porque nossa gente não merece isso.” (pequeno trecho do debate sobre situação dos projetos estratégicos das Forças Armadas no Senado com o General Villas Boas em 26/09/2015)

Vemos que Villas Boas, não estava fazendo nada mais, nada menos que colocar à luz, qual seria o fiel da balança, e não que ele estivesse de fato dizendo que tudo estava andando às mil maravilhas.

-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-x-

“Um sistema político-partidário-eleitoral que funciona como feudos de caciques eleitorais está doente. Filhos de políticos recebem fatia generosa do fundão eleitoral, dinheiro público, em detrimento de outros candidatos. Candidatos são teleguiados de dentro de cadeias. A democracia não pode funcionar dessa maneira.” – (Carlos Fernando dos Santos Lima)

– Da cadeia, Eduardo Cunha (MDB-RJ) pede voto para a filha, e ainda recomenda:

“Peço com muita súplica o seu voto, como se fosse em mim. Ela, além de ter herdado a minha fé, é mais preparada do que eu e tem os mesmos compromissos de defender as nossas bandeiras e combater o aborto”

– Danielle Ditz da Cunha (MDB), filha do ex-presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha;

– João Campos, filho mais velho do ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos, aquele que tinha a Marina como vice em sua chapa, e cujo avião tirou-lhe a vida na campanha presidencial de 2014, além de ser também bisneto do ex-governador Miguel Arraes

– Antonio Coelho (DEM-PE), filho do senador Fernando Bezerra Coelho (MDB), este é cotado a ser o terceiro filho desse senador que entra para a política. Os outros dois são: Fernando Filho (DEM) deputado Federal, e Miguel Coelho (PSB) prefeito de Petrolina. Percebe-se por esta família, que a Política é bastante promissora enquanto profissão;

– Marcelo Crivella Filho (PRB), filho de Marcelo Crivella que além de prefeito é ligado à Igreja Universal do Reino de Deus;

– Marcelo Richa (PSDB), filho do ex-governador Beto Richa e neto do ex-governador José Richa;

– Otto Alencar Filho (PSD), filho do senador Otto Alencar (PSD);

– Rodrigo Oliveira (MDB), filho do senador Eunício Oliveira (MDB);

– Mosiah Torgan (DEM), filho do vice-prefeito Moroni Torgan (DEM);

– Fernando James (PTC), filho do senador e ex-presidente Fernando Collor (PTC).

A limpeza tem que ser geral, inclusive chegando aos berçários. Porque nesses berçários estão sendo criados, aqueles que deverão assumir seus postos, quando os velhos delinquentes tiverem que se aposentar, na marra, ou por vontade própria.
Intervenção Militar Já!. Aço, Selva… Brasil acima de tudo e Deus acima de todos!

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo, Psicanalista, Jornalista e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(41) 98514-8333 (Oi)
(41) 99820-9599 (Tim)
(41) 99109-8374 (Vivo)
(41) 99821-2381 (WhatsApp)

Mensagem 250918 – Intervenção em andamento, alguma dúvida disso? – (imagens da internet)

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se esta mensagem te foi útil, e achas que poderá ser útil a mais alguém, ajude-nos: (ficaremos muito gratos que, ao replicar o e-mail, seja preservada a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

#COJAE

Comentários

Autor: Ely Vidal

Olá, eu sou Psicanalista, Jornalista, Teólogo e pai de 7 filhos maravilhosos! Presido o Instituto IESS (Instituto de Educação e Serviço Social) que, dentre outras atividades, provê atendimentos psicanalíticos, suporte jurídico por meio da arbitragem e mediação de conflitos. CIP (Psicanalista) sob nº 0001-12-PF-BR. DRT (Jornalista) sob n° 0009597/PR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.