Forças Armadas advertem Dilma

As nossas Forças Armadas fizeram saber à “presidente” Dilma, que estão de prontidão, não permitirão a quebra da Lei e que estão a postos, para fazer cumprir a Constituição Federal.
Deixaram claro estar de olho em todos os movimentos hostis e que sabem muito bem, de onde partem e com quais intenções, e que não hesitarão em cumprir o seu papel de guardião, como sempre o fizeram.
Podemos observar a postura das FFAA desde que deixaram o poder em 1985, nunca se imiscuiram nas brigas entre os quintais divididos pelos partidos políticos. Sempre estiveram em silêncio, porém, de olho em tudo e atentos a todos os movimentos, mas, em virtude do que passa o País, a hora, pode ser agora, tudo irá depender do sangue nos olhos de alguns.
Pudemos ver durante o dia, discursos inflamados de Lula, de Rui Falcão, e de um ou outro, mas discursos de incitação ao ódio e de desvio do foco da realidade dos acontecimentos.
De minha parte, não sou militar, mas tenho muito bem definido o meu lugar, e é a favor do meu País, portanto, ao lado dos militares, porque sei, que os únicos que quiseram, e querem o bem desta Nação, são os militares, o resto, quer somente, a morte e a destruição.
Intervenção Militar imediata, creio ser a palavra de ordem! – (ely silmar vidal – com material lido no site O Antagonista – 04/03/2016)

Comentários

Autor: Ely Vidal

Olá, eu sou Psicanalista, Jornalista, Teólogo e pai de 7 filhos maravilhosos!

Presido o Instituto IESS (Instituto de Educação e Serviço Social) que, dentre outras atividades, provê atendimentos psicanalíticos, suporte jurídico por meio da arbitragem e mediação de conflitos.

CIP (Psicanalista) sob nº 0001-12-PF-BR.
DRT (Jornalista) sob n° 0009597/PR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *