Exército assumiu Segurança Pública no Rio de Janeiro

Boa noite pessoal, é sempre muito bom ver que tudo aquilo que um dia falamos, acaba por se concretizar. Não que queiramos o pior, apenas para que se diga: “Viu, eu estava com a razão!” E é claro, às vezes a gente se excede nos comentários.
Pois bem, a muito tempo venho dizendo que a Intervenção virá, e vem acontecendo arremedos, como, se por um lado pode querer me provar o quanto estou errado, por outro, pode estar justamente provando o oposto. Eu sempre soube, desde o fatídico 1985, quando após o general ter dito que a canalhada deitaria e rolaria no excesso de democracia que se afundariam no poço de corrupção, e hoje é exatamente o que estamos vendo.
Pois bem, essa ação deflagrada no Rio de Janeiro, não passa de uma faca de dois gumes.
O próprio Governo Federal, que se utilizou do veneno, já está assustado com o que fizeram. A priori, antes mesmo de ter sido deflagrada a ação, por um lado o próprio Raul Jungman, já havia avisado à bandidagem, vazando em seu próprio Twitter o que estava para acontecer e como as coisas dar-se-iam, assim, a grande maioria dos poderosos da criminalidade local, já se evadiram antes mesmo do exército chegar, e uns poucos gatos pingados que ficaram, por retaradados que possam ter sido, fugiram em seguida para regiões vizinhas e circunvizinhas, ou seja, o que estava ruim, não tinha como não piorar.
Lembremo-nos que aos políticos de plantão, interessa apenas enxugar gelo. Esquecem no entanto, que atitudes como essa, uma Intervenção Federal em um estado não pode simplesmente ser deflagrada e cancelada na base pura e simples da canetada. Deflagrar e cancelar apenas pelo uso da caneta, não é uma boa política para se lidar com a alta delinquência.
O que penso é que o governo federal, na figura do Temer, precisava de um argumento sólido e concreto, para pressionar os congressistas a fazerem o que ele queria, (Reforma da Previdência é um dos temas) isso porém, acabou sendo um tiro no pé, e me parece que o feitiço pode ter virado contra o feiticeiro.
De minha parte, Continuo acreditando em nossas Forças Armadas e sei que elas no tempo certo, farão o serviço que lhes compete fazer, que é a limpeza geral da sociedade, a começar pela alta cúpula política, mas para que isso possa acontecer, é necessário que haja o caos. Esse caos, é claro e evidente que já está havendo, não a ponto de ser o estopim para a Intervenção Militar no Brasil inteiro, porém, percebo que estamos caminhando passo a passo no rumo do que será de fato o remédio para todos os males que assolam o Brasil.

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo, Psicanalista, Jornalista e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(014) 41 9 8514-8333 (Oi)
(041) 41 9 9820-9599 (Tim)
(015) 41 9 9109-8374 (Vivo)
(021) 41 9 9821-2381 (WhatsApp)

Mensagem 190218 – Exército assumiu Segurança Pública no Rio de Janeiro – (imagens da internet)

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se esta mensagem te foi útil, e achas que poderá ser útil a mais alguém, ajude-nos: (ficaremos muito gratos que, ao replicar o e-mail, seja preservada a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

#COJAE

Comentários

Autor: Ely Vidal

Olá, eu sou Psicanalista, Jornalista, Teólogo e pai de 7 filhos maravilhosos! Presido o Instituto IESS (Instituto de Educação e Serviço Social) que, dentre outras atividades, provê atendimentos psicanalíticos, suporte jurídico por meio da arbitragem e mediação de conflitos. CIP (Psicanalista) sob nº 0001-12-PF-BR. DRT (Jornalista) sob n° 0009597/PR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.