Quando se vê o Lula e o Mercadante que representam a nata da quadrilha, nesse duelo, sinto mais nojo ainda da elite “intelectualóide” do meu país que se entregou nas mãos dessa corja.
E mais nojo ainda dos que continuam defendendo isso e ainda fazendo papel de “santos”, dizendo: “eu nunca acreditei neles!”.
Ao que eu digo: Certo, você nunca acreditou neles e votou neles e os apoiou apenas pelo dinheiro?
Então você é mais canalha que eles! – (ely silmar vidal)

“EU SEI DE UMAS COISAS…”
“Lula diz que o ministro-chefe da Casa Civil não pode ficar posando de ético. O que será que ele sabe ?”
“Com a posse de Dilma Rousseff, Lula percebeu que a fidelidade de Mercadante não era a ele, mas à caneta presidencial.
Os dois, então, começaram a duelar nos bastidores.
O ex-presidente acusa o atual ministro-chefe da Casa Civil de ter sequestrado o governo Dilma e de trabalhar diariamente para ser candidato do PT ao planalto em 2018.
Além disso, com o avanço das investigações sobre o petrolão, Lula passou a responsabilizar Mercadante pela suposta falta de empenho do governo para anular a Operação Lava-Jato.”
“Em almoço na residência oficial do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), Lula deixou claro que já tem adversários de sobra e não precisa de mais um.
“Renan, avise para o Mercadante que, se eu quisesse ferrar com ele, já teria feito isso antes. Ele que não venha dar uma de ético para cima de mim. Eu sei de umas coisas…”, disse o ex-presidente.”
Mais essa repugnante e vergonhosa história dos bastidores de um governo falido prova mais uma vez que o PT pouco se importa com o Brasil e o futuro de seu povo, pois o que interessa para essa raça apátrida nada mais é do que a continuidade no poder e tudo que ele pode fornecer de forma lícita e ou ilícita a eles.
Fonte: Revista Veja, edição 2626, ano 48, página 56.

Tags: