Deu Ruim… A guerra civil começou

Angra I, Angra II e Angra III, estão sendo fechadas a partir de hoje por motivo de Segurança Nacional.
Estava já tudo sendo previsto, o que estava muito difícil era observar, onde que seria metido fogo no primeiro pavio de pólvora.
Até onde consta, o Rio de Janeiro, está praticamente fora do controle do Governo Federal, ou seja, a presidência da República do Brasil, já não se mete mais no Rio de Janeiro, e não existirá mais absolutamente nenhuma autoridade até então conhecida no Rio.
Tudo fugiu ao controle do governo federal, e pelo visto, as coisas tendem a tomar corpo pelo Brasil.

Começou a guerra no Rio de Janeiro.
“… e não sabendo que era impossível, eles foram lá e fizeram…” “O máximo de confusão, morte destruição, a retaguarda profunda do inimigo.” Intervencionistas do Brasil! Aço!

E tudo está acontecendo de forma a enfraquecer as quadrilhas criminosas, e começaram, estourando os locais onde são guardadas as armas, e as drogas e o dinheiro que alimenta esses comandos.
Primeiramente o foco das Forças Armadas está em identificar as fontes de renda das milícias e suas fontes de sustento são os primeiros alvos.
Isso é o equivalente a tocar na ferida, ou seja, tirando as fontes de sustento, é claro que haverá a fuga dos marginais em busca de locais de onde eles possam vir a tirar o dinheiro que necessitam para tudo.

E vemos os inúmeros traficantes e aliados das quadrilhas criminosas, tremendo porque sabem que contra as Forças Armadas não há argumento.
Contra a força não há argumento, a única coisa que pode fazer frente a uma força é outra força superior e mais bem armada. Vê-se bandidos reclamando da forma como as autoridades militares estão agindo.
Inclusive chamam o tipo de reação das forças armadas contra eles como sinal de covardia. O que querem dizer é que, eles vêm como covardia um militar entrar do jeito que entra já estourando a boca. Eles querem a volta dos comandos às forças auxiliares, porque já perceberam que com as forças armadas não há conversa. Os bandidos estão em pânico.

Sérgio Cortes que foi um dos grandes do governo Sérgio Cabral, foi secretário da saúde do governo, e que hoje cumprindo pena por conta de ter sido pego pelas investigações da Lava Jato, diz ter vergonha de seu próprio nome e de tudo o que cometeu. Hoje não anda de cabeça erguida, porque sabe o quanto se afundou na corrupção.
Chegou a receber 2 milhões e meio de dólares, o que gira hoje em torno de oito milhões de reais.
Esse é um dos poucos que se envergonham de seus atos, de seu passado e de tudo o que andou aprontando durante sua vida.
Um médico, um homem que tivera a condição de poder crescer na esfera social à custa de seu saber e de tudo o que poderia conseguir, amealhou apenas a dor e a tortura para a sua vida e para a vida de seus familiares. Isso naturalmente, que sem levar em conta os inúmeros fantasmas de famílias destruídas por conta das falcatruas em que ele se envolveu.
Porque não lhe bastará apenas ser perdoado pelos seus, o que já seria um grande negócio. Porém, a cada casa, a cada família que encontrar em seu caminho e que tenha alguém destruído, saberá que ali também estiveram seus dedos, colaborando para apertar aquele gatilho de destruição que agora ele vê os resultados.
E esse Sérgio Cortes nos traz um alerta muito interessante, se o dinheiro para as campanhas já não existem, então de onde está surgindo a grana para as campanhas. Uma das alternativas de abastecimento, seriam algumas igrejas, não todas é claro, porque a maioria é pobre, mas falhando as igrejas, restam os traficantes, que têm muito interesse em seus homens no poder. Portanto, muito cuidado com isso que alguns está aceitando que são as eleições.

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo, Psicanalista, Jornalista e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(41) 98514-8333 (Oi)
(41) 99820-9599 (Tim)
(41) 99109-8374 (Vivo)
(41) 99821-2381 (WhatsApp)

Mensagem 230818 – Deu Ruim… A guerra civil começou – (imagens da internet)

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se esta mensagem te foi útil, e achas que poderá ser útil a mais alguém, ajude-nos: (ficaremos muito gratos que, ao replicar o e-mail, seja preservada a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

#COJAE

Comentários

Autor: Ely Vidal

Olá, eu sou Psicanalista, Jornalista, Teólogo e pai de 7 filhos maravilhosos! Presido o Instituto IESS (Instituto de Educação e Serviço Social) que, dentre outras atividades, provê atendimentos psicanalíticos, suporte jurídico por meio da arbitragem e mediação de conflitos. CIP (Psicanalista) sob nº 0001-12-PF-BR. DRT (Jornalista) sob n° 0009597/PR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.