Conversa de um bebê e sua mamãe

Oi mamãe, tudo bom?
Eu estou bem, graças a Deus…
Faz apenas alguns dias que começamos a nos conhecer finalmente. De mim e de ti, já estava escrito, e agora, aqui estou, crescendo em sua barriguinha.
Sabe, eu nem tenho como explicar, o quanto estou feliz em saber que você será a minha mamãe, e eu o teu filhinho.
É interessante, porque me enche de orgulho, saber que fui concebido por você e por papai. Todas as coisas parecem indicar que eu serei, a criança mais feliz do mundo!
Puxa vida mamãe, hoje estamos comemorando um mês juntos, faz hoje 30 dias desde que fui concebido. Você não pode me ver aqui dentro, mas eu já começo a perceber que estou crescendo, meu corpinho, já começa a se formar. Não consigo me conter ao imaginar que breve estarei, não mais em tua barriguinha, mas no teu colinho.
Sabe, eu sei que não estou tão lindo quanto você. Mas, me aguarde e verá, Papai do céu me disse: “Nasça e brilhe!” É brincadeira mamãe!
Mas é claro, uma brincadeira porque eu estou muito feliz!
Sabe, eu estou sim muito feliz, mas tem uma coisa que me preocupa muito… Tenho notado que tem alguma coisa que está te incomodando demais.
Tenho notado, que ultimamente, você tem andado muito agitada, e isso tem me deixado também muito agitado. É claro que você já notou isso.
Mas tudo vai passar, tenho certeza disso, sabe mamãe, eu te amo e sei que você me ama, só precisamos confiar mais um no outro, não é verdade? Então por favor, não se desespere!
Mamãe querida, dez semanas que estamos juntos e eu estou cada dia mais feliz, as novidades se descortinam e já posso ver que muita coisa nova me espera.
Já tenho minhas mãozinhas e não me canso de exercitá-las, como aliás, tenho certeza, você tem percebido, quando me movimento em tua barriga. Sabe, sei que terei muita coisa boa para fazer com minhas mãozinhas
Mamãe, o que é que está acontecendo? Você só tem chorado, noites e noites, dias e dias e percebo que você e papai, sempre que se encontram brigam demais. Por favor, me diga o que é que está acontecendo…
Vocês não me querem mais? É isso?
Eu prometo que serei a criança mais quietinha e vou buscar sempre ser o melhor possível para que vocês nunca venham a se cansar de mim.
Vou fazer o que eu puder, para que não só me aceitem, como me queiram mais e mais.
Hoje completamos 12 semanas, creio que nesta maratona, nós dois é que somos os vencedores não é mesmo mamãe?
Mas você sabe que estou confuso, sinto que algo estranho está acontecendo, você está deprimida. Fomos visitar o médico e eu notei que ele quer nos ver amanhã de novo. Mamãe, porque temos que ir ao médico se eu estou bem?
Você não está se sentindo bem mamãe?
Querida mamãe, porque temos que ir ao médico de novo?
O que está acontecendo mamãe, você não parou de chorar um minuto sequer… O que está acontecendo mamãe?
Porque chora?
Procure se acalmar, estou aqui contigo, não chore, não vai acontecer nada… Está tudo bem, não chore…
Mamãe, porque você está se deitando? vejo que ainda não é hora de dormir, e eu não quero dormir, eu quero brincar, quero aprender mais desse mundo que breve vou conhecer de mãos dadas contigo.
Não vamos deitar mamãe, vamos passear, vamos olhar as árvores, as folhas, os pássros, vamos ouvir música, vamos passeaar…
Vamos mamãe, quero me espreguiçar em tua barriguinha e que sinta como estou crescendo.
Mamãe, o que é isto aqui? Apareceu um tubinho aqui na minha casinha, é para eu brincar?
Parece um brinquedo, mas ele está me machucando, está doendo, está ruim, não é algo que eu esteja gostando mamãe.
Mamãe, minha casinha está sumindo, estou sentindo coisas ruins em meu corpinho em formação.
Mamãe, estou sendo rasgado, estou sangrando, a minha mãozinha já está sem dedos…
Mamãe, estão me machucando, não permita que continuem a fazer isso comigo, meus bracinhos foram arrancados, e a dor é muito forte. Mamãe me proteja…
Porque estão arrancando pedaços de mim… Mamãe me defenda, alguém por favor me defenda!!! Mamãe, me ajude!!! Papai, onde é que você está?
Vocês não percebem que não posso ainda me defender, não me abandonem, eu preciso de vocês, porque eu preciso viver para poder cumprir minha jornada nesta terra.
Eu não posso me defender sozinho, por favor, alguém me ajude, eu ainda sou muito pequeno preciso da ajuda de você.
Por favor, diga a eles que parem, estão arrancando a minha perninha. Talvez eu não tenha sido uma boa criança e por isso estão me castigando, eu prometo, eu vou me comportar, não vou mais te chutar!!!
Querido Papai do céu, como é possível que seres humanos possam fazer o que estão fazendo comigo?
Mamãe, já não aguento mais, não consigo mais me segurar, a força que me puxa para fora de tua barriga é muito forte, e eu já estou muito dolorido, fraco e todo cortado.
Mamãe, mamãe, me perdoe, e Pai querido, eterno e todo poderoso, Perdoai, eles não sabem o que fazem.
Tu me deste a vida, e permitiste que me tirassem dela, portanto, protege, liberta e restaura Papai, pelo teu poder, que conheço do ventre, porque no ventre me chamaste.
No ventre me compunhas, às ocultas, para que quando eu viesse à luz, então eu pudesse brilhar, como a Estrela da Manhã…
Mamãe descansa… Já estou com saudades de ti, mas descansa, porque para onde vou, enfim terei a Paz, que excede a todo entendimento.

Aquela mamãe, ainda hoje, mesmo isso tendo acontecido a muitos anos, sofre, e chora e angustiada corre de um lado a outro como a fugir da marca que lhe ficou estampada, por conta de um ato impensado, contra um ser totalmente indefeso.
Mas o Senhor Jesus, que entregou-se na cruz do calvário, entregou-se por mim, que dos pecadores sou o principal e portanto o maior de todos, e também por ti, que por um ato de desespero, cometeu esse ato.
Crê somente, e tu e a tua casa, serão salvos, para louvor, honra e glória do nome do Senhor e em nome de Jesus Cristo de Nazaré. Amém e amém.

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo, Psicanalista, Jornalista e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(41) 98514-8333 (Oi)
(41) 99820-9599 (Tim)
(41) 99109-8374 (Vivo)
(41) 99821-2381 (WhatsApp)

Mensagem 130918 – Conversa de um bebê e sua mamãe – (imagens da internet)

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se esta mensagem te foi útil, e achas que poderá ser útil a mais alguém, ajude-nos: (ficaremos muito gratos que, ao replicar o e-mail, seja preservada a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

#TestemunhadeJesusCristo

Comentários

Autor: Ely Vidal

Olá, eu sou Psicanalista, Jornalista, Teólogo e pai de 7 filhos maravilhosos! Presido o Instituto IESS (Instituto de Educação e Serviço Social) que, dentre outras atividades, provê atendimentos psicanalíticos, suporte jurídico por meio da arbitragem e mediação de conflitos. CIP (Psicanalista) sob nº 0001-12-PF-BR. DRT (Jornalista) sob n° 0009597/PR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.