Cegados pelo ódio

“Matem ele! Atirem nele!
Aqui está ele. Vai, vai.
Matem ele!”

“Um palestino segura seu filho de 4 anos. Ele implora à polícia da fronteira de Israel para que matem seu próprio filho. Ele grita: “Atirem neste menino!”
Seu próprio filho.
Ele empurra seu filho contra os soldados e grita: “Matem ele! Atirem nele!” O menino para.
Ele fica assustado. Qualquer criança ficaria. Ele retorna, buscando uma orientação de seu pai.
Com sua camisa por dentro de seu shorts vermelho, o menino avança em direção aos soldados. Um deles estende sua mão em sinal de amizade. O menino toca a mão dele.
É difícil fazer um menino de 4 anos odiar.
Imagine seu próprio filho nessa idade. Pense no seu sorriso. Imagine seu sorriso. Pense na alegria incontida e a inocência que só uma criança possui. Incentivar alguém a assassinar uma criança – sobretudo o próprio filho – é provavelmente a coisa mais desumana que alguém pode fazer.
Lamentavelmente, o crime desse pai não é um caso isolado. Em Gaza, o Hamas cuida de acampamentos de verão que ensinam as crianças a valorizarem a morte mais do que a vida, – campos suicidas de jardim de infância.
As crianças palestinas e israelenses merecem mais do que isso. Elas merecem viver. elas merecem viver em paz.
As crianças não são buchas de canhões. Elas são o que há de mais precioso no mundo. O bem mais precioso que nós temos.
Tenho certeza que muitos pais palestinos ficaram tão indignados quanto eu com esse vídeo.
E hoje faço um apelo a todos pais e mães ao redor do mundo. Peço para que juntem-se a mim para dar um fim a esse abuso com as crianças.
Os líderes palestinos devem parar de incentivar as crianças a matarem. Eles devem parar de incentivar os pais palestinos a apelar pela morte de seus próprios filhos. Isso é terrível!
A paz começa com o respeito. Se os pais não respeitam a vida de seus próprios filhos, como irão respeitar a vida de seus vizinhos?” – (Benjamin “Bibi” Netanyahu – primeiro ministro de Israel)

(ap. Ely Silmar Vidal – Teólogo, Psicanalista, Jornalista e presidente do CIEP – Clube de Imprensa Estado do Paraná)

Contato:
(41) 99109-8374 (Vivo)
(41) 99821-2381 (WhatsApp)

Mensagem 011218 – Cegados pelo ódio – (imagens da internet)

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se esta mensagem te foi útil, e achas que poderá ser útil a mais alguém, ajude-nos: (ficaremos muito gratos que, ao replicar o e-mail, seja preservada a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

#COJAE @elyvidal @radiocrista @pastorelyvidal @conipsip #FalaPortal #MiottoéÓttimo #conipsi #cojae #dojae #ciepClubedeImprensa #bandeiradoBrasilnajanela

Comentários

Autor: Ely Vidal

Olá, eu sou Psicanalista, Jornalista, Teólogo e pai de 7 filhos maravilhosos! Presido o Instituto IESS (Instituto de Educação e Serviço Social) que, dentre outras atividades, provê atendimentos psicanalíticos, suporte jurídico por meio da arbitragem e mediação de conflitos. CIP (Psicanalista) sob nº 0001-12-PF-BR. DRT (Jornalista) sob n° 0009597/PR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.