CDH intima Gal Mourão a dar explicações

É muito petulante essa “Começão dos Direitos dos Manos”.
Imaginem vocês que aquelas “tresloucadas”, resolveram “intimar” um General, para dar explicações ao Senado Federal, de um pronunciamento feito com base em argumentos altamente incontestáveis de que o País está à beira do caos.
Lembremos que esse Senado, mais parece um prostíbulo, do que a séria instituição que pretende ser, e portanto, muito longe está de poder intimar a quem quer que seja, ainda mais um homem com a conduta do General Antônio Hamilton Mourão, cuja folha de serviços é de causar inveja a pelo menos 90% da população brasileira. Não esquecendo também, que possivelmente no Senado, não exista alguém com a ficha tão limpa quanto a deste bravo cidadão brasileiro, que não por acaso, chegou ao posto mais alto na hierarquia militar, e a quem 70% das tropas respondem sem pestanejar.
Sugiro aos membros da referida “Começão”, que vão cuidar de seus fetiches em outro lugar, e que não esperem do general, o servilismo a que estão acostumados, porque o sangue de um militar, é 100% verde-oliva.
Selva Brasil!!!

(ap. Ely Silmar Vidal – skype: siscompar – fones: 041-41-99820-9599 (TIM) – 021-41-99821-2381 (CLARO e WhatsApp) – 015-41-99109-8374 (VIVO) – 014-41-98514-8333 (OI) – mensagem 210917 – CDH intima Gal Mourão a dar explicações – imagens da internet)

Que o Espírito Santo do Senhor nos oriente a todos para que possamos iluminar um pouquinho mais o caminho de nossos irmãos, por isso contamos contigo.

Se esta mensagem te foi útil, e achas que poderá ser útil a mais alguém, ajude-nos:

(ficaremos muito gratos que, ao replicar o e-mail, seja preservada a fonte)

leia este texto completo e outros em:

http://www.portaldaradio.com

Comentários

Autor: Ely Vidal

Olá, eu sou Psicanalista, Jornalista, Teólogo e pai de 7 filhos maravilhosos! Presido o Instituto IESS (Instituto de Educação e Serviço Social) que, dentre outras atividades, provê atendimentos psicanalíticos, suporte jurídico por meio da arbitragem e mediação de conflitos. CIP (Psicanalista) sob nº 0001-12-PF-BR. DRT (Jornalista) sob n° 0009597/PR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *