A ideologia e a escola que deveria ser sem partido

Essa mulher é demente, e merece ser processada e condenada, por estar induzindo cabeças inocentes em erro.
Ela trabalha com a indução, e além disso, utiliza-se da mentira para incutir o medo nos alunos.
Qualquer pessoa com um mínimo de preparo e bom senso, sabe quem de fato quer alterar currículos escolares, suprimindo inclusive matérias, e não é o Bolsonaro que está nessa.
Não preciso defender o Bolsonaro, e nem morro de amores por ele, mas o que é certo, tem que ser dito.
Quanto ao Coronel Ustra, (Carlos Alberto Brilhante Ustra – Santa Maria, 28 de julho de 1932 – Brasília, 15 de outubro de 2015 – foi coronel do Exército Brasileiro) como é que se pode dar qualquer valor ao que esse espécime ruge, se nem ao menos o nome da pessoa que cita ela não sabe, e além de não saber o nome, não sabe tampouco a patente do mesmo.
Além disso, a questão do governo instaurado durante o período militar, não pode ser visto como ditadura.
Foi de fato, um período de exceção, uma vez que em todo o País, os grupos guerrilheiros aterrorizavam a população, com assaltos, mortes, explosão de bombas, sequestros de aviões, etc; isso exigiu dos militares, pulso firme, para manter o Brasil nos caminhos da paz e da normalidade para a população de forma geral.
Mas essa mulher, não pode e nunca poderia estar à frente de uma sala de aula. (ely silmar vidal) https://youtu.be/4s9i6mBkHjc

Comentários

Autor: Ely Vidal

Olá, eu sou Psicanalista, Jornalista, Teólogo e pai de 7 filhos maravilhosos! Presido o Instituto IESS (Instituto de Educação e Serviço Social) que, dentre outras atividades, provê atendimentos psicanalíticos, suporte jurídico por meio da arbitragem e mediação de conflitos. CIP (Psicanalista) sob nº 0001-12-PF-BR. DRT (Jornalista) sob n° 0009597/PR.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.